PM prende cinco foragidos da justiça no fim de semana em Rondonópolis

Um dos capturados, de 34 anos, preso na manhã de domingo bairro Mathias Neves, tinha dois mandados de prisão por roubos e furtos

Foto por: Ilustração/PMMT

No final de semana (15 e 16.05), policiais do 4º Comando Regional da Polícia Militar em Rondonópolis prenderam cinco foragidos da justiça. Todos os presos são do sexo masculino e estavam com mandados em aberto por diferentes crimes. Somento no domingo foram quatro prisões em diferentes pontos da cidade.

No bairro Mathias Neves, na manhã de domingo (16), ocorreu a captura de um homem de 34 anos, que tinha dois mandados de prisão em aberto por roubos e furtos(artigos 157 e 155). Ele esta em casa e descoberto a partir de uma denúncia anônima seguida da apuração pelo serviço de inteligência do 5º Batalhão.

No Jardim Liberdade, também na manhã de domingo, outra equipe prendeu um suspeito de 56 anos era procurado por crime de homocídio(artigo 121 do Código Penal). Havia a suspeita de que ele, com prisão decretada, poderia estar em um endereço desse bairro, informação confirmada por uma guarnição operacional.




Nessa mesma data, por volta das 14hs, no Jardim Tropical, os policiais localizaram um suspeito de 26 anos que vinha sendo procurado há algumas semanas. Ele responde há diversas ações criminais da Justiça, em uma delas havia prisão decretada. Ao ser avistado, o suspeito tentou fugir saltando o muro para dentro de uma escola estadual. O local foi cercado ele acabou preso.

No início da noite, as 18hs, uma equipe da 14ª Companhia da Força Tática prendeu um homem, de 25 anos, na Vila Jardim. A localização foi possível a partir de informações recebidas durante patrulhamento tático na região. A checagem do nome que estava com mandado de prisão em aberto por crime de homocídio.

Na noite anterior(15), por volta das 21h30, uma equipe do 5ºBPM já havia feito a prisão de um suspeito de 41 anos que era procurado por descumprir as regras do regime semi aberto. Isso ocorreu no bairro Jardim Paulista. Ele, que era monitorado por tornozeleira eletrônica, estava em local e fora do horário permitido.