PM lança Operação Patrulha Maria da Penha em Mato Grosso

A ação visa combater crimes de violência contra a mulher e potencializar o atendimento local às vítimas em todo o Estado

Foto por: Tchélo Figueredo /Secom-MT

Nesta quarta-feira (25.11), a partir das 08h, a Polícia Militar em parceria com o Mutirão de Medidas Protetivas Urgentes do Tribunal de Justiça de Mato Grosso realizará  a ‘Operação Patrulha Maria Penha’  em todo o estado. A ação visa combater crimes de violência contra a mulher.

No dia 25 de novembro começa a campanha anual do “Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres”. Para reforçar as ações de combate a esse tipo de crime, a PM atuará de forma integrada junto ao Tribunal de Justiça, empregando equipes de policiais militares para reforçar todas unidades da instituição a fim de potencializar o atendimento local as vítimas.

A coordenadora de Polícia Comunitária da PM, tenente-coronel Emirella Martins diz que a operação Patrulha Maria da Penha atuará fazendo a primeira visita para a mulher e para o agressor, um protocolo de visita para os casos de menor risco será criado, as demandas identificadas pelos policiais militares serão encaminhadas para outras instituições parcerias da rede de proteção.




Nas comarcas do interior serão destinadas duas guarnições da PM, já nas cidades de Cuiabá e Várzea Grande 16 equipes de policiais militares darão apoio às ações do Mutirão de Medidas Protetivas Urgentes do TJMT.

A Operação Patrulha Maria da Penha seguirá até às 20h nas cidades onde ela já foi instalada: Cuiabá e Santo Antônio do Leverger, Várzea Grande e Nossa Senhora do Livramento, Rondonópolis, Barra do Garças e Pontal do Araguaia, Sinop, Sorriso, Cáceres, Tangará da Serra, Primavera do Leste, Pontes e Lacerda, Comodoro e Querência