Passeio pedagógico incentiva o turismo em propriedades rurais

Crianças de cinco e seis anos visitam o assentamento Silvio Rodrigues e interagem com a vida no campo

Os visitantes aprendem a tirar leite da vaca - Foto por: Extensionista /Empaer

Conhecer a rotina de uma propriedade rural e interagir com o dia-a-dia no campo, desenvolvendo atividades como andar pela horta, ajudar na lida com os animais e saber de onde vem uma parte do alimento que consumimos.

Esta foi a experiência vivida por dez crianças de cinco e seis anos da Creche Pequeno Polegar, do município de Mirassol D’Oeste (300 km a Oeste de Cuiabá).

A visita foi no assentamento Silvio Rodrigues, em propriedades rurais com potencial de desenvolver o seu lado turístico. Esse é um projeto criado pela Associação dos Pequenos Produtores da Região do Caeté (Aprocat) em parceria com a Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer).

As crianças chegaram cedo para tomar café e conhecer os produtos artesanais produzidos nas propriedades rurais. Em seguida, elas foram visitar o sítio dos produtores Elza Pereira e Lazaro Pereira, onde puderam ver como é feito o queijo frescal, ordenhar a vaca para tirar o leite, alimentar as galinhas e aprender como moer a cana-de-açúcar para tomar o caldo da cana. O roteiro também contou com a visita a um pequeno comércio do assentamento e a uma represa.

A secretária da Asprocat e produtora rural, Vera Lúcia Gonçalves fala que para finalizar a visita, as crianças conheceram a escola rural de Alfabetização de Jovens e Adultos (EJA) e puderam ver as salas de aula e toda a infraestrutura do local que antes era a sede de uma antiga fazenda.

O passeio foi realizado no período da manhã e teve duração de três horas, das 7h30 às 10h30. “O roteiro incluiu café da roça, trato com os animais, visitas à escola e fabricação de alimentos e produtos artesanais. Estamos organizando o roteiro”, esclarece.

Essa foi a primeira visita, que faz parte do turismo pedagógico.

O extensionista rural da Empaer e Turismólogo, Robson Junior Hartmann, fala que por meio do grupo de mulheres da Asprocat foi feito um levantamento das propriedades rurais com potencial e vocação turística, bem como dos proprietários dispostos a receber visitantes.

Ele explica que o roteiro busca estimular o turismo rural e impulsionar ganhos econômicos aos proprietários. Atualmente, no assentamento Silvio Rodrigues, quatro produtores rurais participam do projeto.

De acordo com Hartmann, essa foi a primeira visita, que faz parte do Turismo Pedagógico, ferramenta que auxilia na construção da percepção da realidade por parte dos alunos, proporcionando uma experiência de ensino fora do ambiente da sala de aula, além de interações com o meio ambiente e turismo.

“Estamos trabalhando em conjunto com as mulheres para desenvolver um roteiro que atenda esse público, que mostre as atividades do campo e que possa gerar renda e lucro para as famílias”, enfatiza.

Apoio ao Turismo

A região de Mirassol D’ Oeste possui um cenário com elementos naturais, culturais e religiosos, além das pequenas propriedades familiares que formam a base da agricultura familiar.

Essa diversidade configura um potencial para o desenvolvimento do Turismo Rural. “Nosso trabalho é identificar potenciais, organizar produtores, articular parcerias para viabilizar atividades turísticas e capacitar os membros das famílias para atendimento aos turistas, entre outras”, conclui Robson.