Parceria entre Sebrae e AMAD vai capacitar varejistas em Mato Grosso

tribunal de contas celebra 63 anos de fundação



A Associação Mato-grossense de Atacadistas e Distribuidores (AMAD) e o Sebrae Mato Grosso apresentaram a mais de 60 empresários do estado o novo programa Varejo Competitivo, que pretende apoiar 660 varejistas com a oferta de 22 programas de capacitação em todo país. Será investido R$ 1,6 milhão no projeto entre 2016 e 2017, sendo que 70% dos recursos serão do Sebrae e os outros 30% pela Associação Brasileira dos Atacadistas e Distribuidores (ABAD).

De acordo com o presidente da AMAD, João Carlos Sborchia, o projeto vai dar ao varejo de vizinhança a oportunidade de ganhar competitividade em relação à concorrência a partir de um programa de capacitação. “Pretendemos fidelizar o varejo de vizinhança ao atacadista distribuidor”, afirmou.

Cada programa terá a duração de 12 meses e será cumprido por uma turma de 30 empresas indicadas pelo setor atacadista distribuidor. Os desempenhos serão avaliados ao final do programa. Os 66 melhores empresários classificados, conforme critérios preestabelecidos, serão premiados com a entrega de troféus e com a participação de missões técnicas ao Encontro Nacional da Cadeia de Abastecimento (ENACAB), de 2017.

O presidente do Sindicato do Comércio Atacadista e Distribuidor do Estado de Mato Grosso (Sincad-MT), Sérgio José Gomes, ressaltou que a participação de empresas do Estado vai ajudar Mato Grosso a se tornar mais competitivo no cenário nacional. “Serão atendidas mercearias, minimercados e supermercados com até quatro caixas e clientes de distribuidores filiadas às associações. Vamos fomentar a participação de nossas empresas”, ressaltou.

O programa Varejo Competitivo foi iniciado em 2011 e nesses anos de parceria com o Sebrae, a ABAD já realizou 138 cursos, capacitando mais de duas mil empresas em todo o país. “A expectativa é que alcancemos com mais efetividade a melhoria da rentabilidade e dos serviços do nosso cliente varejista”, finalizou Sborchia.