Órgãos e entidades ligadas ao setor educacional se reúnem para dialogar sobre políticas públicas

Seduc apresenta plano de ações para o retorno presencial das aulas em fevereiro de 2021

Reunião com o Fórum da Educação - Foto por: Assessoria

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) apresentou o protocolo de volta às aulas presenciais da rede estadual para os membros do Fórum Estadual da Educação (FEE), durante reunião extraordinária. Representantes de 13 entidades ligadas à educação participaram por videoconferência.

Os protocolos de biossegunrança, os repasses para que as escolas estaduais façam a compra dos insumos para as medidas de prevenção ao novo coronavírus e as mudanças pedagógicas para recuperar o aprendizado dos alunos fazem parte do planejamento apresentado na reunião de quinta-feira passada (19.11).

O secretário de Estado de Educação (Seduc-MT) e coordenador do Fórum, Alan Porto, ressalta a importância do caráter propositivo do Fórum, como um espaço para sugestões, diálogo, e alinhamento de ações.




“Vamos ter muitas melhorias no processo de avaliação continuada, na área pedagógica, e de infraestrutura para melhorar a aprendizagem. Vamos chamar as instituições para trabalharem junto com a gente. Queremos contar com a Universidade, com os municípios, com os assessores pedagógicos, para todas as ações que serão desencadeadas pela Secretaria no próximo ano”, explica.

Ampliação da EJA

Na ocasião, o secretário esclareceu que haverá uma remodelagem para a ampliação da oferta da Educação de Jovens e Adultos (EJA) no estado. “Adianto que vamos fazer uma remodelagem. A nossa proposta é ampliar o atendimento do Ensino de Jovens e Adultos, a nossa equipe está finalizando o trabalho que vai mostrar como vai funcionar a ampliação de oferta para todas essas unidades. Assim que houver este estudo finalizado nos apresentaremos para o Fórum”, garante.

Também foi comunicado o envio do Plano Estadual de Educação (PEE) para a Assembleia Legislativa por parte do Governo do Estado. O documento foi construído em 2017 com a participação de representantes de setores educacionais, e reformulado para alinhamento com o Plano Nacional de Educação, e com base em pareceres da Procuradoria Geral do Estado, e Tribunal de Contas do Estado.

O Fórum tem como função coordenar a elaboração e acompanhar a execução do Plano Estadual de Educação, e promover o debate permanente sobre as Políticas da Educação do Sistema Estadual de Ensino.

Fazem parte do Fórum: Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Seciteci), Conselho Estadual de Educação (CEE), União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (UNCME), União dos Dirigentes Municipais de Educação de Mato Grosso (UNDIME), Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura e Desporto da Assembleia Legislativa, Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (SINTEP), Associação dos Docentes da Universidade do Estado de Mato Grosso (ADUNEMAT), Sindicato dos Trabalhadores e Estabelecimentos de Ensino de Mato Grosso (SINTRAE), Sindicato dos Servidores Públicos da Educação Profissional e Tecnológica de Mato Grosso (SINPROTEC/MT), União Mato-Grossense dos Estudantes (UMTE), União Estadual dos Estudantes (UEE) e a Associação Nacional pela Formação dos Profissionais da Educação (ANFOPE).