Operação Carreta cumpre 13 mandados contra responsáveis por matar dois adolescentes que foram queimados vivos 

Polícia Civil-MT

Polícia Civil-MT

Polícia Civil-MT

Operação Carreta cumpre 13 mandados contra responsáveis por matar dois adolescentes que foram queimados vivos 

Uma das vítimas morreu no local e a segunda foi encaminhada a Cuiabá, onde foi a óbito posteriormente

A Polícia Civil deflagrou nesta sexta-feira (08.12), em Nova Olímpia, a Operação Carreta para cumprir 13 mandados judiciais contra os executores de um duplo homicídio ocorrido no mês de junho. O crime vitimou dois adolescentes que foram torturados e queimados ainda vivos. 

A equipe da Delegacia de Nova Olímpia, com apoio de equipes da Regional, cumpriu quatro prisões preventivas, seis buscas e apreensões, uma apreensão de menor de idade e duas quebras de sigilo telemático. 

Após seis meses de investigações, que contaram com o trabalho pericial da Politec-MT em Cuiabá, a Polícia Civil conseguiu apurar a identificação dos autores do duplo homicídio qualificado das vítimas, Aleson Vitor Almeida da Silva Nunes, de 14 anos e Josevaldo Soares de Souza Nascimento, de 17 anos. 

No dia 24 de julho, um trabalhador avistou um incêndio em um canavial da usina onde trabalha, na estrada entre Nova Olímpia e o Distrito de Fernandópolis. Ao seguir ao local para apagar as chamas, ele encontrou o corpo de uma das vítimas e a outra com diversas queimaduras e acionou a polícia. 

As vítimas foram executadas em um ‘tribunal do crime’, que determinou as mortes praticadas com meio cruel. Após os suspeitos torturarem as vítimas durante duas horas de tortura, atearam fogo aos adolescentes ainda com vida. Uma das vítimas morreu no local e a segunda foi encaminhada a Cuiabá, onde foi a óbito posteriormente. 

“Foram meses de investigações e análise pericial que possibilitaram à Polícia Civil identificar quem cometeu esse bárbaro crime”, explicou o delegado Gustavo Espíndula. 

Foram presos durante a operação W.S.O., 19 anos, V.R.L., 27 anos e H.N.S., 23 anos e apreendido um adolescente de 17 anos. Todos ficarão à disposição do Poder Judiciário.

A Operação Carreta contou com apoio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos, Delegacia Regional e Delegacia de Tangará da Serra. 

+ Acessados

Veja Também