Oito foragidos por homicídio, roubo, furto e tráfico de droga foram capturados na capital e mais três cidades de MT

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939

Foto por: PMMT

De segunda-feira a madrugada desta quinta-feira (22 a 25.02) policiais militares capturaram oito foragidos da justiça em Cuiabá, Várzea Grande, Sapezal e Rondonópolis. Somente em Rondonópolis foram quatro ocorrências atendidas pelas equipes do 5º BPM e da 14ª Companhia de Força Tática.

No bairro Jardim Paiaguás, o foragido por tráfico de droga, de 42 anos, foi identificado durante uma abordagem. O veículo que estava apresentou problemas mecânicos e os policiais averiguavam a situação. Ele não apresentou resistência.

No Jardim Monte Líbano, os policiais desconfiaram quando um motociclista desviou da direção ao ver a viatura em patrulhamento. Devido à atitude suspeita, ele foi abordado e descoberto um mandado aberto por tráfico de droga, além de fazer uso de tornozeleira eletrônica que estava desligada.




As equipes da Força Tática atenderam duas ocorrências. A primeira durante patrulhamento pela região de chácaras Globo Recreio e pararam um homem que estava próximo de uma propriedade. Foi descoberto ser procurado por furto desde 2002, com documento expedido pela 2ª Vara Criminal da Cidade.

No segundo atendimento, no bairro Jardim Adriana, o foragido por roubo foi capturado com auxilio da equipe da Agência Regional de Inteligência que descobriu sua localização.

Em Sapezal, a equipe da 6ª Companhia realizava abordagem em pessoas que estavam em um bar, e um dos frequentadores se recusou colocar as mãos na cabeça. Ele foi conduzido à delegacia por desobediência. Durante o registro da ocorrência, foi descoberto que  era procurado por homicídio, na cidade Alta Floresta.

No bairro São Benedito, em Várzea Grande os policiais do 4º BPM abordaram um homem, 27 anos, andando pela rua. Em seu nome contou um mandado aberto por tráfico de droga.

Na capital, uma das capturas foi no bairro Coophamil e atendida pelo Grupo de Apoio (GAp), que foi informado pela inteligência que um procurado por roubo estaria em uma casa. O denunciado foi abordado quando chegava à residência e não apresentou resistência.

No Tijucal, os policiais abordavam dois homens que estavam próximos de um bar. Na consulta, um eles era procurado por tráfico de droga e resistiu à prisão, sendo necessário o uso de algemas.