Mulher é presa suspeita de matar o filho de 3 anos

A mãe de Gael teria passado por um surto psicótico e o espancado até a morte

Foto: Reprodução

Foi presa na madrugada desta terça-feira (11), a suspeita da morte do próprio filho Gael de Freitas Nunes, de 3 anos, no bairro Bela Vista, em São Paulo. O caso ocorreu na manhã desta segunda-feira (10), no apartamento da família, o menino chegou a ser encaminhado para Santa Casa de São Paulo, mas não resistiu aos ferimentos.

A suspeita é que a mãe de Gael tenha tido um surto psicótico, o que levou ela a agredir a criança. Segundo o depoimento da tia-avó, obtido pelo portal de notícias G1, ela deu mamadeira para o menino e assistia televisão com ele, quando ele se levantou e foi até a cozinha. Ela relata ter ouvido choros, batidas e vidros sendo quebrados, quando foi a cozinha o menino estava deitado com vômito e coberto por uma toalha de mesa.

Ela ainda disse que a mãe do garoto já foi internada algumas vezes mas não soube dizer o motivo.




Ainda de acordo com o boletim de ocorrência (BO), o menino que morava com a mãe, tia-avó e irmã de 13 anos, estava em parada cardiorrespiratória quando chegou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

A mulher, de 37 anos, foi levada para a carceragem feminina do 89º DP após prestar depoimento.