Mudança no comando regional do Solidariedade pode representar saída de Pátio do partido

A decisão do Solidariedade em mudar o comando regional do partido pode representar a saída do prefeito Zé do Pátio do partido. A decisão do partido em colocar o deputado federal Leonardo Albuquerque na presidência da sigla no estado e destituir o prefeito Zé Carlos do Pátio cargo, gerou desconforto e um grupo de pessoas ligadas ao prefeito já prevê a saída dele da sigla.

Pátio, no entanto, caso resolva sair da sigla, deve levar junto, um grupo de prefeitos, vices e vereadores eleitos pelo partido nas eleições passadas.

Um dos destinos de Pátio pode ser o Rede.




O prefeito, até o momento, não se manifestou de forma oficial, sobre essa mudança.

Leonardo, no entanto, teve o apoio de Pátio, nas eleições de 2018.

O SD, além de Leonardo conta ainda com o ex-governador Pedro Taques, que de aliado de Pátio virou desafeto. Há quem diga que Leonardo pode fazer uma dobradinha com Taques, para a disputa. No caso, o ex-governador sairia a estadual e Leonardo concorreria à reeleição.