Motorista sem habilitação atropela e mata bebê e mulher

Jovem de 18 anos saia de festa quando atropelou grupo

Foto: Divulgação/Polícia Militar

Um motorista sem habilitação causou a morte de uma mulher de 41 anos e um bebê de 5 meses em um atropelamento em Sete Lagoas, Minas Gerais, na última quinta-feira (18).

De acordo com a Polícia Militar, Adriana Aparecida Pereira era babá do pequeno Brayan Henrique da Silva, os dois estavam acompanhados da irmã da mulher na porta de uma casa quando o veículo invadiu o local e atropelou o grupo.

A irmã da vítima foi socorrida e sobreviveu com uma fratura no braço. Adriana e o bebê morreram na hora.




O motorista era Marcos Winicius Silva Gomes, de 18 anos, que não tinha habilitação. Outras quatro pessoas estavam no carro. O grupo participava de uma festa na casa de um vizinho e saiu para comprar bebidas. Todos fugiram do local do acidente.

O dono do carro se apresentou e foi detido por ter entregado o veículo para uma pessoa desabilitada. O homem foi solto após pagar fiança de R$ 4.400. O imóvel onde ocorreu a festa foi destruído por moradores da região. O resto do grupo segue foragido.