Maluf defende capacitação para melhorar indicadores da saúde

temer recebe notificação de denúncia que pode custar seu mandato

O deputado estadual Guilherme Maluf (PSDB) defendeu, nesta terça-feira (06), que a Escola de Saúde Pública de Mato Grosso tenha como foco a capacitação dos agentes que atuam nas unidades básicas de saúde do estado.

A declaração foi dada durante reunião da Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social da Assembleia Legislativa, na qual esteve presente a diretora da instituição, Carmen Machado.

“As unidades básicas são o princípio de todo o sistema de saúde e os agentes precisam ser capacitados para não só prestar o primeiro atendimento aos cidadãos, como também orientá-los. Essa é uma forma de melhorarmos os indicadores de saúde do estado”, afirmou o deputado, que é vice-presidente da Comissão.

Guilherme Maluf propôs ainda que a Escola de Saúde Pública atue junto aos municípios com o objetivo de melhorar a gestão dos recursos públicos na área da saúde, e que também ofereça capacitação aos profissionais que trabalham nas escolas públicas do estado.

Cirurgias cardíacas

A realização de serviços de alta complexidade em cardiologia no Hospital São Benedito também foi tema de reunião da Comissão de Saúde. Na oportunidade, o deputado Guilherme Maluf comemorou o avanço na resolução dos problemas que impedem a implantação dos serviços e apresentou requerimento solicitando a entrega de moção de congratulação, em nome da Comissão, ao procurador-geral de Justiça, Mauro Curvo, pelo empenho em solucionar o impasse.

“Há uma fila enorme de pessoas aguardando para fazer cirurgias cardíacas e o procurador-geral teve a sensibilidade de promover essa reunião com o objetivo de resolver o problema e fazer com que essas cirurgias possam ser realizadas no Hospital São Benedito. Trata-se de um avanço muito importante”, frisou.

O assunto foi debatido nesta terça-feira (06) por integrantes do Ministério Público Estadual, Poder Judiciário, Município de Cuiabá e diretores do Hospital. Segundo informações do MPE, os serviços foram licitados há um ano, a estrutura já está pronta para a oferta do atendimento, mas a efetivação do contrato ainda não ocorreu.

Caravana da Transformação

Outro requerimento apresentado por Maluf e aprovado pela comissão solicita o envio, pelo Governo do Estado, de informações referentes ao número de cirurgias oftalmológicas e demais atendimentos em saúde realizados durante a Caravana da Transformação. “Esse programa tem beneficiado muitas pessoas e precisamos dar publicidade à quantidade de atendimentos já realizados”, justificou.