M prende dois suspeitos por roubo à residência e recupera motocicleta furtada

Picture of PM-MT

PM-MT

Foto: PMMT

M prende dois suspeitos por roubo à residência e recupera motocicleta furtada

Compartilhe:

Policiais militares do 4º Batalhão prenderam em flagrante dois homens, de 31 e 20 anos, por roubo, sequestro e lesão corporal, no começo da manhã desta terça-feira (14.03), em Várzea Grande. Com os suspeitos, a PM apreendeu duas armas de fogo e recuperou uma motocicleta furtada.

Conforme o boletim de ocorrência, a equipe do 4º BPM foi acionada para verificar uma situação de roubo em andamento em uma residência na região central da cidade. Segundo denúncias de vizinhos, dois homens em uma motocicleta teriam rendido prestadores de serviço que chegavam na casa e invadiram o local.

De imediato, os policiais militares se deslocaram até o endereço informado e encontraram os suspeitos, que prontamente se renderam. Em revista pessoal, a equipe localizou duas armas de fogo, sendo um revólver calibre .38 e uma pistola calibre .40, ambos municiados. 

Com os suspeitos, também foi encontrado um aparelho bloqueador de sinal de veículos e uma motocicleta Honda XRE que, ao ser verificada, foi constatada ser produto de furto, ocorrido semanas antes, também em Várzea Grande.

Durante as buscas pelas vítimas, dois homens foram encontrados dentro de um cômodo da casa. Em depoimento, relataram que os suspeitos realizaram agressões e ameaças de morte utilizando armas de fogo. As vítimas também afirmaram que antes da chegada da PM, a dupla tentou fugir em um veículo Fiat Argo, do proprietário do imóvel.

Diante dos fatos, os dois criminosos foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Várzea Grande, com o material apreendido, para registro da ocorrência. O proprietário da motocicleta foi informado da localização do veículo e compareceu para fazer a recuperação.

Disque-denúncia   

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.

Deixe um comentário

Veja Também

Quer ser o primeiro saber? Se increve no canal do PH no WhatsApp