Lives e gravações de artistas rondonopolitanos contemplados pela Lei Aldir Blanc começam nesta quarta

Começam nesta quarta-feira (13) as lives e gravações dos artistas rondonopolitanos contemplados nos editais da Lei de Emergência Cultural, que ficou conhecida como “Lei Aldir Blanc”.

A Secretaria Municipal de Cultura (Secult) informa que as lives e gravações irão acontecer no Casario. “As apresentações de contrapartida dos artistas contemplados pelos editais da Lei Aldir Blanc serão realizadas, por conta da pandemia, de forma virtual, por meio do canal do youtube Lei Aldir Blanc Rondonópolis”, comentou Laurimar Souza, que é gerente de divisão de projetos culturais da Secult.

Em Rondonópolis, foram contemplados 418 projetos de diversas áreas artísticas, como música, artes cênicas e dança.




Os artistas, que tiveram os projetos aprovados nos editais de chamamento, receberam recursos através da Lei Aldir Blanc, criada para auxiliar emergencialmente quem teve sua renda reduzida ou até mesmo inexistente durante a pandemia do novo coronavírus.

“Como contrapartida, os projetos dos artistas serão executados virtualmente e disponibilizados de forma gratuita ao público”, explicou Laurimar, acrescentando que as apresentações estendem-se durante todo mês de janeiro. “As apresentações acontecerão sempre de quarta a domingo”.

A Secult elaborou uma programação com as datas e horários das lives e gravações dos projetos que estarão disponíveis no youtube. Os demais projetos contemplados que não constam na programação, farão suas filmagens de forma particular.