Lideranças comunitárias do distrito de Boa Vista se reúnem com prefeito e têm demandas atendidas




Lideranças comunitárias representando a comunidade do Distrito de Boa Vista, se reuniram em audiência com o prefeito municipal Zé Carlos do Pátio, no paço municipal, na manhã desta sexta-feira (17), apresentaram várias reivindicações, e foram atendidas.

O presidente da Associação de Moradores da localidade José Nogueira, apresentou uma lista com algumas demandas, que foram analisadas pelo prefeito em conjunto aos diversos secretários presentes na reunião e foram feitos encaminhamentos para atendimento imediato das reivindicações.

Lembrando que em 2019, o prefeito recebeu a comunidade de Boa Vista em audiência, ouviu as demandas e de imediato organizou um mutirão de obras e serviços no distrito, que melhoraram muito a qualidade de vida dos cidadãos.

Na ocasião o prefeito atendeu uma antiga reivindicação dos piscicultores da região que sonhavam com um abatedouro/frigorífico na localidade.

Zé do Pátio ordenou a construção do prédio (que já está pronto), e já licitou a compra do mobiliário e equipamentos necessários para o funcionamento do abatedouro, cujo projeto inicial foi orçado em cerca de R$ 1,3 Milhão.

Além dessas demandas, a administração perfurou poço artesiano, instalou caixa d’água/reservatório; construiu tanques de peixes; reformou a ponte do Córrego da Piteira, e a creche, e agora deve asfaltar as ruas do bairro, num projeto de mais de R$ 2,5 Milhões, oriundos de recursos de emenda parlamentar do senador Wellington Fagundes em parceria com o município.

NOVOS INVESTIMENTOS

A comunidade também foi beneficiada com a recuperação das estradas vicinais, instalação de academia popular, e vai receber a reforma da quadra esportiva, e do postinho de saúde; iluminação e colocação de grama no campo de futebol; construção de uma praça pública com parquinho de diversão de 2,9 mil M2; além, da regularização fundiária, entre outros benefícios.

Zé do Pátio estuda inclusive, a possibilidade de aquisição de uma área no distrito, para assentamento das famílias da localidade que vivem de aluguel e/ou não tem onde morar.

Também estiveram presentes na audiência, os vereadores Juary Miranda e Orestes Miraglia.