Laudo aponta que curto-circuito causou incêndio em prédio em Cuiabá

| guiratinga | prefeitura amplia distribuição de água no distrito do alcantilado



O laudo da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) constatou que o incêndio na parte elétrica do edifício Sunset Boulevard, ocorrido em outubro do ano passado, teve origem acidental em decorrência de um curto-circuito. O resultado do laudo foi encaminhado à Polícia Civil nesta sexta-feira (16), três meses depois do incêndio no edifício, em Cuiabá.

O laudo, que demorou três meses para ser concluído, tem 68 páginas e 54 fotos. A partir deste laudo, que analisou os vestígios do incêndio no prédio, a Polícia Civil poderá apontar responsabilidades sobre o ocorrido. O caso é investigado pela 2ª Delegacia de Polícia do Carumbé, que tem como titular o delegado Waldeck Duarte Júnior. Segundo a assessoria da Polícia Civil, um novo delegado deve ser designado para dar andamento às investigações, pois o delegado que estava com o caso, Carlos Américo Marchi, agora deve passar a atuar no Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

O incêndio no edifício Sunset Boulevard fez com que o prédio fosse completamente esvaziado na madrugada e manhã do dia 14 de outubro. Um curto-circuito na prumada elétrica – local em que se concentram os cabos de energia que vão para os apartamentos – fez com que os corredores e apartamentos fossem tomados por uma densa fumaça. As famílias que viviam nos 92 apartamentos dos 23 andares do edifício ainda não voltaram para a construção, que passa por reparos.

O edifício fica no Bairro Araés e foi entregue pela construtora em 2002. No dia do incêndio, a maior parte dos moradores conseguiu sair do prédio por conta própria, mas pelo menos dez pessoas tiveram que ser resgatadas pelo Corpo de Bombeiros, em um trabalho que durou aproximadamente dez horas e que mobilizou ainda o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), Exército Brasileiro e a Defesa Civil de Cuiabá e do estado.

Depois do ocorrido, as famílias enviaram comunicado à imprensa no qual diziam que a construtora havia feito uma inspeção no prédio meses antes do incêndio, e que não havia sido detectado nada de anormal.

Os moradores do Sunset Boulevard estão alojados em casas de parentes, amigos e também em hotéis da cidade, aguardando a liberação do prédio. A estrutura do edifício não foi danificada, segundo peritos, mas a fiação elétrica ficou completamente destruída, tornando o prédio inabitável.