Jovem quase morre ao pegar concha que era esconderijo de polvo extremamente letal

Hora 7/R7

Hora 7/R7

Jovem quase morreu após ser mordido por polvo com veneno poderoso

Jovem quase morre ao pegar concha que era esconderijo de polvo extremamente letal

Ele queria mostrar o achado à sobrinha, mas deu de cara com um perigoso polvo-de-anéis-azuis

Um jovem quase morreu enquanto catava conchas em uma praia. O detalhe é que ele fazia isso na Austrália, o que pode ser uma atividade de risco em um país tão cheio de animais com venenos extremamente letais.

Em uma das conchas estava um pequeno polvo-de-anéis-azuis, que tem um veneno tão poderoso que uma dose pode matar 20 humanos adultos.

Jacob Eggington, de 18 anos, nadava na praia de Shoalwater e achou uma concha, que queria mostrar à sobrinha, ainda bebê. Foi provavelmente quando o polvo o mordeu, e ele só percebeu depois, quando já estava diante da criança.

“Assim que viu o polvo, ele gritou bem alto. E eu agarrei o bebê. Foi muito traumático”, disse Joshua, irmão da vítima, em entrevista ao canal 7 News.

A mordida do polvo é indolor, então Jacob só se salvou porque procurou marcas do ataque na perna, antes de correr ao hospital.

Após horas de tratamento, médicos conseguiram estabilizar o quadro de Jacob, que sobreviveu.

O jovem provavelmente teve muita sorte, já que a toxina do polvo não possui antídoto conhecido, e pode matar um adulto em 30 minutos. Neste caso, é provável que o animal não tenha atacado profundamente a possível vítima.

+ Acessados

Veja Também