Fisco flagra 47 carretas carregadas de milho com documentação irregular

Da Assessoria

Da Assessoria

Fisco flagra 47 carretas carregadas de milho com documentação irregular

Agentes do Fisco lotados no Posto Fiscal Benedito Corbelino (Correntes), próximo à divisa com Mato Grosso do Sul, detectaram 47 carretas carregadas de milho tentando sair do Estado com Nota Fiscal interna, o que poderia gerar um prejuízo superior a R$ 1,8 milhão em evasão de receita. O flagrante ocorreu na jornada compreendida entre os dias 21 e 30 de abril.

Segundo o supervisor do Posto Correntes, o agente de Fiscalização e Arrecadação de Tributos Estaduais (Afate) Luiz Longuinho relatou que as notas indicavam que as mercadorias tiveram origem na cidade de Lucas do Rio Verde com destino a Primavera do Leste, quando, na verdade, o destino final seria o município de Maringá e o Porto de Paranaguá, no estado do Paraná.

Foram lavrados 94 Termos de Apreensões e Depósitos, totalizando o lançamento do crédito tributário no valor de aproximadamente de R$ 1.877.823,18 entre ICMS e Multas devidas.

Fernando Fernandez, presidente do Sindicato dos Profissionais de Tributação, Arrecadação e Fiscalização de Mato Grosso – SIPROTAF, destacou a importância dos trabalhos desenvolvidos pela fiscalização do trânsito de mercadorias, tanto pelas unidades fixas através dos postos fiscais localizados nas principais divisas do Estado, bem como as unidades de fiscalizações volantes e também o sistema eletrônico de monitoramento.

“Somos uma peça importante nas constituições da receita pública que gera o crescimento do nosso estado. A Diretoria do SIPROTAF parabeniza a todos os colegas pelo brilhante trabalho à frente das nossas unidades”, pontua.

 

 

+ Acessados

Veja Também