Ex-policial é preso por assediar vítimas de crimes durante o serviço

Ex-policial de West Midlands confessou o crime

Foto: Divulgação/West Midlands Police

Emerson Estridge, de 45 anos, foi condenado a 18 meses de prisão após assediar vítimas de crimes durante o serviço. O ex-policial admitiu que, ao entrar em contato com as mulheres, enviou fotos e textos inapropriados e também confessou ter se relacionado sexualmente com uma delas em uma das ocasiões.

Segundo a BBC News da Inglaterra, Emerson já havia confessado ser culpado de quatro acusações de corrupção enquanto era policial de West Midlands. Em junho de 2019, após o caso ser exposto publicamente, ele renunciou ao seu cargo.

No entanto, Emerson esteve no tribunal em julho de 2019, e após audiência policial, foi decidido a expulsão do ex-oficial caso ele não tivesse se demitido.




A subcomandante da região, Vanessa Jardine, comentou: “Estridge tirou vantagem de sua posição como membro da Polícia de West Midlands para buscar relacionamentos impróprios para ganho sexual e emocional. Isso era totalmente inaceitável e uma violação clara dos padrões de comportamento profissional”. “Suas ações foram terríves e meus pensamentos estão com as pessoas afetadas por elas”, completou ela.

O ex-policial hoje cumpre pena por abuso de poder e agressão sexual.