Escola Julieta Borges entrega apostilas e marca plantão pedagógico

São 262 alunos matriculados que serão atendidos em grupos de no máximo 5.

A escola faz questão de informar que segue as regras de biossegurança - Foto por: Divulgação

A escola Estadual Julieta Xavier Borges, localizada em Barra do Bugres (168 km a médio-norte da Capital), encerrou na sexta-feira (26.02) a entrega das primeiras apostilas do ano letivo de 2021.

A diretora, Andreia Rodrigues Geres, destaca que o atendimento foi agendado pelos professores com os pais ou responsáveis dos 262 alunos matriculados na escola.

“Desde o início do ano letivo, os professores orientam as atividades do dia via WhatsApp e entram online pelo link do aplicativo Google Classroom. Quem tem dificuldades em acessar a internet, pode optar pelo material impresso”, assinala.




Todo o trabalho de entrega das apostilas obedeceu às regras de biossegurança. Um profissional da educação ficou no portão medindo a temperatura. Um banner logo na entrada indicava o uso obrigatório de máscara de proteção individual.

Na entrada da sala, um “dispenser” com álcool gel assim como um frasco do produto foi colocado na mesa. Nos corredores, cartazes de alerta sobre a Covid-19.

Plantão

Nesta semana a escola inicia o plantão pedagógico. Serão 30 minutos de atendimento com cinco alunos por sala, para não haver aglomeração. O agendamento é realizado também pelos grupos de WhatsApp.

A coordenadora pedagógica, Renata Cristina Silva Rodrigues, ressalta que os professores estão empenhados em promover a aprendizagem, fazendo a mediação com os estudantes tanto online, quanto presencial nos plantões “tira dúvidas”.

A gestora lembra que os professores estão trabalhando com as intervenções pedagógicas referente às habilidades não consolidadas e observadas por meio das avaliações diagnósticas.

Além disso, os professores trabalham com atividades práticas que fazem parte complementar do currículo contínuo. “Todos estão fazendo um ótimo trabalho e o incentivo das famílias dos estudantes vem sendo imprescindível neste período de ensino remoto. Isso é positivo”, comemora.