Empresário diz que simulou o próprio velório como ‘protesto’ após terminar casamento de 15 anos e ex cobrar pensão

G1 MT

G1 MT

Empresário diz que simulou o próprio velório como ‘protesto’ após terminar casamento de 15 anos e ex cobrar pensão

O vídeo da manifestação inusitada repercutiu nas redes sociais, ele disse se sente envergonhado com a atitude.

O dono de uma funerária simulou o próprio funeral, nessa terça-feira (19), como forma de protesto, após terminar casamento de 15 anos, em Mirassol D’Oeste, a 329 km de Cuiabá, e a ex-esposa cobrar pensão alimentícia. José Flavio Ferraz Ferreira se separou há cinco anos, mas agora está sendo acionado judicialmente pela ex-companheira.

Ao g1, Ferraz contou que, desde que se separou, tem sofrido perturbação judicial por parte da ex-esposa, que alega dívida de pensão, no entanto, ele nega as acusações. O ex-casal tiveram dois filhos.

“Não sofri distúrbio mental, como disseram, mas fiz isso como forma de protesto. Já chorei bastante. Pago pensão certinho e ela fica me acuando com ameaças judiciais. Não sou um mal elemento”, explicou.

O vídeo que mostra o suposto funeral repercutiu nas redes sociais. As imagens gravadas por moradores da região mostram o empresário deitado dentro de um caixão, no meio da rua, com a van da funerária dele exposta na via pública com mensagens de despedida.

José disse que não teve muito planejamento para a simulação do velório e que foi algo espontâneo, dentro dos recursos que ele tinha para protestar.

“Foi uma coisa espontânea. Estou um pouquinho envergonhado com a minha atitude, já que muita gente zombou de mim”, disse.

Veja o vídeo:

+ Acessados

Veja Também