Em intervalo de 6 horas, policiais dispersam mais de 200 pessoas em comércios com aglomeração em Rondonópolis

Em uma festa clandestina envolvendo menores e regada de bebidas alcoólicas e drogas, 12 adolescentes foram abordados e conduzidos até a delegacia.

Foto: Polícia Militar

Em um intervalo de seis horas, entre essa sexta-feira (22) e este sábado (23), a Polícia Militar dispersou mais de 200 pessoas em vários estabelecimentos, que não seguiam as regras de biossegurança em Rondonópolis

Em uma festa clandestina envolvendo menores e regada de bebidas alcoólicas e drogas, 12 adolescentes foram abordados e conduzidos até a delegacia.

No local, a polícia apreendeu bebidas alcoólicas e porções de drogas. Dois homens foram presos e também encaminhados para a delegacia.






Essa fiscalização da polícia faz parte da Operação Cerco Total, que começou no dia 4 de janeiro e vai até o final do mês.

A PM está cumprindo o novo decreto estadual que proíbe, por 45 dias, a realização de eventos, festas e shows com mais de 100 pessoas.

Os registros ocorrem na semana em que a taxa de ocupação de leitos de UTI Covid voltou a subir.

Na rede pública de saúde não há mais leitos de UTI disponíveis, em Rondonópolis. No Hospital regional, todas as 10 UTIs estão ocupadas com pacientes sintomas mais graves da doença. O mesmo acontece com os 20 leitos na Santa Casa. Todos estão ocupados.

Rondonópolis já tem mais de 17 mil casos de Covid-19 e 455 mortes.