Economia do Nortão e Araguaia ganham impulso

Trinta municípios da região Norte de Mato Grosso passam a ser atendidos por uma superintendência da Caixa Econômica Federal, que vai disponibilizar linhas de crédito e financiamento.

A inauguração foi nesta sexta-feira (18.10) em Sinop, em solenidade que contou com a participação do presidente da CEF, Pedro Duarte Guimarães, do governador Mauro Mendes, senadores Wellington Fagundes e Jayme Campos, do prefeito de Sinop, Gilson de Oliveira, além de deputados federais, estaduais, prefeitos e vereadores da região.

O senador Wellington Fagundes lembra que essa nova estrutura da CEF vai facilitar a apresentação de projetos pelos prefeitos da região que, até então, eram obrigados a fazê-lo em Cuiabá. “A CEF é uma instituição que tem contribuído para o desenvolvimento do Brasil e agora se instala numa das regiões que registra um dos maiores índices de crescimento econômico. Certamente, essa economia ganha ainda mais impulso”, avalia.

Antes da inauguração da nova superintendência, o governador e parlamentares participaram de reunião com prefeitos e vereadores da região e receberam reivindicações que incluem projetos nas áreas de saúde, educação e infraestrutura.

Ainda nesta sexta-feira, o senador esteve em Gurupi (Tocantins) onde participou de audiência pública que discutiu a pavimentação da TO-500, rodovia conhecida como Transbananal, que deve ligar São Félix do Araguaia (MT) a Formoso do Araguaia (TO). O evento contou com a participação do ministro da Infraestrutura, Tarcisio Meira, e dos governadores Mauro Mendes (MT) e Mauro Carlese (TO).

A obra inclui a construção de seis pontes – uma delas com 2.600 metros sobre o rio Araguaia – e vai ligar a região à Ferrovia Norte-Sul e ao porto de Itaqui, no Maranhão, considerado o mais estratégico para o escoamento da produção agrícola.