Dupla postou foto de dentro da cabine pouco antes de avião cair

tráfego de caminhões em rodovias federais terá restrições nos feriados de 2016

Os dois homens que morreram na queda de um avião monomotor em Pirenópolis, a 123 km de Goiânia, no domingo (20), tiraram uma foto dentro da cabine pouco antes do acidente. A imagem, que mostra o engenheiro civil Erik Teixeira Rigonato, de 31 anos, e o funcionário público Guilherme Lima de Sousa, 30, foi publicada em uma rede social.

Amigo das vítimas, o prefeito de Caldas Novas, Evandro Magal, compartilhou a foto e escreveu uma mensagem de luto. “Que Deus que os receba de braços abertos e console suas famílias”, disse o texto.

Segundo Magal, Erik era um empreendedor e Guilherme trabalhava no Fundo de Previdência do Município de Caldas Novas (Caldas Prev). O prefeito decretou luto oficial de três dias na cidade.

O acidente aconteceu na tarde de domingo (20), próximo ao aeroporto de Pirenópolis. Segundo o relato da namorada de uma das vítimas à Polícia Militar, o piloto tinha pouco tempo de experiência. “A mulher disse que eles estavam fazendo acrobacias, fazendo brincadeiras no céu. Em um momento, ele subiu, começou a descer em parafuso e não conseguiu subir de novo e caiu”, disse o sargento da PM Valdivino Ribeiro de Freitas.

Segundo o Corpo de Bombeiros, na queda, o avião atingiu uma plantação de bambu que fica às margens GO-338 e ficou completamente destruído com o impacto. Os ocupantes morreram na hora. Os bombeiros informaram que os corpos ficaram presos nos destroços.

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) informou que já foi notificado e que uma equipe está a caminho do local da queda para investigar o que causou a queda.

Avião monomotor caiu próximo ao aeroporto de Pirenópolis (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)