Duda Reis teme que Nego do Borel vaze fotos e vídeos íntimos, diz B.O.

Duda Reis e Nego do Borel (Foto: Reprodução/ Instagram)

Duda Reis registrou um boletim de ocorrência contra Nego do Borel nesta quinta-feira (14) em São Paulo. Além de acusar o cantor de estupro de vulnerável, lesão corporal, violência doméstica, injúria e ameaça, a atriz ainda relatou medo do artista divulgar fotos e vídeos de momentos íntimos do ex-casal. Os dois namoraram entre 2018 e dezembro de 2020.

“Que a vítima sempre teve muito medo, pois o agressor chegou ameaçar a expor fotos em redes sociais informações íntimas da vítima com intuito de acabar com a carreira da vítima. Que o autor já fotografou a vítima nua e possui vídeos de atos sexuais que teriam praticado, que a vítima sentir medo que o autor divulgue os vídeos e fotos expondo-a negativamente”, diz o trecho do documento divulgado pelo A Tarde É Sua.

Na manhã de quinta-feira (14), Duda foi à Delegacia de Defesa da Mulher em São Paulo acompanhada de sua advogada, Izabella Borges. No boletim, Duda conta que, em agosto de 2018, em uma viagem a Portugal, de 20 dias, ela teria permanecido dopada com o incentivo de Nego, que mantinha relações sexuais com ela sem o consentimento.






O episódio de violência doméstica teria acontecido em 2019 após uma crise de ciúmes de Nego. Duda diz que no mesmo ano, chegou a ser ameaçada de morte pelo cantor, que colocou uma faca em seu pescoço.

Segundo Duda, durante a pandemia, Nego não permitia que ela fizesse terapia sozinha. Ela também alega que o ex não deixava que ela tivesse relacionamento com os pais.

NEGO DO BOREL TAMBÉM REGISTROU B.O.

Na quarta-feira (13), Nego registrou um B.O. por “crimes contra a honra” (injúria, calúnia e difamação). Segundo o músico, a influencer o acusou de inúmeras inverdades em sua rede social.

A informação foi confirmada à Quem nesta quinta-feira (14) pelo delegado Alan Luxardo, da 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes), onde o músico resgistrou o B.O.

“Ele registrou um boletim por crimes contra a honra e a Maria Eduarda será intimada a prestar depoimento nos próximos dias. O cantor alega que as coisas que a ex falou na internet não são verídicas. Mais para frente, vão ser anexados à investigação alguns documentos”, disse o delegado.