Dia dos Namorados movimenta comércio de Rondonópolis

dia dos namorados movimenta comércio de rondonópolis

As vendas realizadas no período do Dia dos Namorados agradaram a maioria dos empresários rondonopolitanos. O Instituto de Pesquisa ACIR (IPA) entrevistou 96 deles e o resultado foi que a maioria (53%) ficou satisfeita com o volume de saída de produtos, 46% afirmaram que o movimento foi ruim.
Os empresários participantes puderam avaliar como foram as vendas, 42% disseram que foram boas e 11% consideraram que foram excelentes. Mesmo sendo umas das principais datas para o movimento do comércio, 27% avaliaram como regular, 14% disseram que foram ruins e para 7% as vendas foram péssimas no período.
O IPA acertou quando verificou na pesquisa de intenção de compras que a maioria dos presentes custariam em média 115 reais, esse foi o valor gasto por 31% dos consumidores. Os itens mais caros, com custo acima de 201 reais foram escolhidos por 14% dos clientes mais apaixonados.
Se comparado com o número de vendas no período do Dias dos Namorados do ano passado, 18% afirmaram que venderam mais e 14% mantiveram o mesmo volume de vendas. Porém, o baixo poder de compra dos brasileiros pôde ser sentido também entre os apaixonados, visto que 48% dos empresários disseram ter vendido menos que no ano passado.
Na tentativa de driblar a crise, 51% dos participantes afirmaram ter investido na decoração e montagem de vitrines atrativas para chamar a atenção dos consumidores e fazerem entrar nas lojas. Os consumidores mais românticos não devem ter economizado no presente, já que apenas 16% fizeram promoções especiais para o período.
A forma de pagamento mais utilizada, contrariando o que disseram os consumidores quando questionados na pesquisa de intenção de compra, foi o cartão de crédito parcelado (53%). Apenas 27% pagaram com dinheiro ou cartão de débito.