Deputado Sebastião Rezende anuncia Escola Tiradentes para início de 2019

Deputado Sebastião Rezende anuncia Escola Tiradentes para início de 2019

Após um longo trabalho para viabilização e adequação do prédio necessário, o deputado estadual Sebastião Rezende recebeu a confirmação da secretária de Educação escolhida pelo novo governo do Estado, Marioneide Kliemaschewsk, de que a Escola Militar Tiradentes em Rondonópolis começará a funcionar em fevereiro de 2019, concretizando um grande desejo da população rondonopolitana.

Vale lembrar que a Escola Militar Tiradentes em Rondonópolis é uma luta do deputado Sebastião Rezende. Nesse sentido, ele conseguiu junto ao padre Danilo Rinaldi o espaço do Oratório Filhos de Dom Bosco, no Parque Universitário, para o funcionamento da Escola Militar. Para isso, obteve junto ao Governo do Estado a locação do espaço junto ao padre Danilo.

Na sequência, o parlamentar conseguiu viabilizar as adequações físicas necessárias no prédio do Oratório Filhos de Dom Bosco, sem custo algum ao poder público, com o apoio da Fundação Shalom, presidida pelo pastor José Genésio da Silva, da Igreja Assembleia de Deus.

A entrega do prédio em condições de uso foi feita desde 10 de julho de 2018.
Marioneide explicou a Sebastião Rezende que a intenção do Governo do Estado já era ter inaugurado a Escola Militar Tiradentes em Rondonópolis desde a entrega do prédio, em julho, mas que não foi possível devido à legislação do período eleitoral até então vigente, proibindo a contratação de professores e profissionais para o funcionamento da estrutura naquele período.

Apesar da suspensão do projeto naquele período, a secretária garantiu ao deputado que a Escola Militar Tiradentes continua sendo uma das demandas da população mato-grossense, sendo que a gestão Mauro Mendes possui a intenção de dar prosseguimento à educação militar em Mato Grosso, pois veio para atender diferentes demandas sociais.

Marioneide reconheceu o empenho do deputado nessa luta e reforçou que o projeto continua firme para Rondonópolis.

“Estamos com o espaço garantido nesta cidade e estamos neste momento dialogando com a assessoria para que os processos administrativos e pedagógicos sejam executados para que em fevereiro de 2019 possamos estar preparados para receber os primeiros alunos”, repassou a secretária ao deputado.

A Escola Tiradentes segue a matriz curricular da rede estadual, mas adota um modelo baseado no ensino militar, com princípios e valores que formam cidadãos e garantem qualidade de ensino.