Depois de inúmeras reclamações Coder finalmente limpa ecopontos

mais de 158 mil veículos devem passar pela br-163 durante o réveillon

Moradores dos bairros com ecopontos procuram várias vezes a imprensa de Rondonópolis para reclamarem das condições insalubres dos locais.

Algumas áreas como a do Sagrada Família (próximo ao IML) pareciam "lixões”. “O que aconteceu aqui foi a junção de dois fatores: a falta de educação das pessoas que jogam de tudo no local, inclusive animais mortos e a inoperância do poder público que demora para executar a limpeza e não coloca uma pessoa para regular a entrada da área”, reclama Nelson Salvador, morador.

Mas a cobrança não foi em vão. A Coder iniciou a limpeza dos depósitos.

De acordo com o projeto de instalação de Ecopontos na cidade, áreas em locais espalhados pela cidade são destinadas para depósito de entulho de construção, galhos de árvores e vegetais e objetos descartados, como móveis e eletrodomésticos sucateados.

Não é permitido o depósito de lixo como, resto de comida, animais mortos, lixo hospitalar, materiais orgânicos em geral que podem apodrecer e causar poluição.

Atualmente, Rondonópolis conta com quatro ecopontos, localizados no Jardim Ana Clara, Jardim Europa, Parque Sagrada Família e Jardim Ebenezer.