Criança é a 5ª vítima encontrada entre os carbonizados em acidente com veículos de carga no norte da BR-163

Criança é a 5ª vítima encontrada entre os carbonizados em acidente com veículos de carga no norte da BR-163

Até esta quarta-feira (22), a Politec confirma apenas a identidade de uma das cinco vítimas, sendo o caminhoneiro Cleverson Rodrigo Felipp, de 44 anos. Das outras, a perícia ainda trabalha na identificação.

Subiu para cinco o número de mortos no acidente deste domingo (19) entre duas carretas e um caminhão na BR-163, entre os municípios de Lucas do Rio Verde e Sorriso, no norte do estado.

Segundo a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), as autoridades encontraram os restos mortais de uma quinta vítima entre os corpos carbonizados.

As características analisadas são compatíveis com a de uma criança. Porém, ainda aguarda identificação oficial.

Até a publicação desta reportagem, a Politec confirmou a identidade de uma das cinco vítimas.

Vítima identificada

Nesta terça-feira (21), o Instituto Médico Legal (IML) confirmou a identidade de uma das vítimas como sendo o caminhoneiro Cleverson Rodrigo Felipp, de 44 anos.

O caminhoneiro Cleverson Rodrigo Felipp é uma das vítimas desse acidente — Foto: Reprodução

O caminhoneiro Cleverson Rodrigo Felipp é uma das vítimas desse acidente — Foto: Reprodução

A perícia ainda aguarda o comparecimento dos familiares das outras vítimas para auxiliar na identificação.

Ele era natural de Ampére, no Paraná, para onde o corpo está sendo levado.

Cleverson Rodrigo Felipp, de 44 anos, morreu em acidente envolvendo veículos de carga na BR-163 — Foto: Reprodução

Cleverson Rodrigo Felipp, de 44 anos, morreu em acidente envolvendo veículos de carga na BR-163 — Foto: Reprodução

Acidente

Uma das carretas seguia pela BR-163 quando invadiu a pista contrária e colidiu na lateral de um caminhão que transportava melancias e, em seguida, bateu de frente com outra carreta, de acordo com uma análise preliminar.

Veículos de carga pegaram fogo após a batida — Foto: Divulgação

Veículos de carga pegaram fogo após a batida — Foto: Divulgação

O segundo veículo de carga tentou evitar a batida ao virar o automóvel para a direita. Com esse movimento, a pancada atingiu o tanque combustível da primeira carreta, o que iniciou um incêndio nos dois veículos. Nenhum dos motoristas sobreviveu.

Noticias Relacionadas

Novidades do PH! Deseja receber notificações sobre as atualizações mais recentes? Não Sim