Contrato anual da Santa Casa com o SUS é assinado pela Prefeitura

Contrato anual da Santa Casa com o SUS é assinado pela Prefeitura

O Diretor Presidente da Santa Casa Rondonópolis, José Osíris Grama Hoeppner e a Superintendente Executiva do hospital, Bianca Talita Franco, participaram de uma coletiva de imprensa junto ao prefeito da cidade, José Carlos do Pátio e ao secretário de saúde, Vinícius Amoroso. Na oportunidade, falaram da contratualização entre a unidade hospitalar e o poder público para a ampliação dos serviços e no custeio dos atendimentos prestados aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) no município.

O recurso, na ordem de R$ 93.770.938,12, é tripartite, sendo 44.648.739,12 do Governo Federal, 28.561.307,88 do Governo Estadual e 10.560.891,12 do município. No convênio, estão incluídos também R$ 10 milhões de uma emenda parlamentar destinada pelo deputado federal José Medeiros, numa articulação com o Deputado Estadual Delegado Claudinei e o vereador José Felipe Horta (Podemos). O recurso será investido na aquisição de remédios, EPI`s, e também em reformas e ampliações do Hospital do Câncer Santa Casa, do Hospital de Olhos e do Centro de Diagnósticos e prevenção ao Câncer da Santa Casa.

Para o prefeito, o hospital tem se tornado referência em saúde e a tendência é fortalecê-lo ainda mais. “A Santa Casa está se tornando uma referência de saúde pública. Quando eu fui prefeito a primeira vez, contratualizamos com a Santa Casa a clínica de hemodinâmica, que faz procedimentos de angioplastias, depois disso a Santa Casa expandiu para cirurgias cardiológicas de peito aberto e agora já fala em Pronto Socorro 24 Horas de Serviços do Coração. Hoje a Santa Casa já está com a Oncologia, sendo a Referência como Hospital do Câncer até mesmo com serviços de Radioterapia e já ampliando com o Hospital dos Olhos, especializando em Oftalmologia. O que vai acontecendo? Rondonópolis vai ter que cuidar também da saúde curativa básica. E, é lógico, o município, junto aos governos federal e estadual, deve fortalecer essa relação no sentido de tornar Mato Grosso um Pólo Regional de Saúde, tão importante como outros centros no Brasil. Esse que é nosso entendimento como gestor”.

A Superintendente Executiva, Bianca Franco, explicou a importância deste apoio para o hospital, bem como o trabalho que vem sendo feito para torna-lo referência em atendimento SUS no Brasil. “É muito importante a Santa Casa ter este apoio da prefeitura, Governos do Estado e Federal e de todos os deputados e vereadores, também de toda a sociedade, pra que juntos, e de acordo com a necessidade epidemiológica do nosso Estado, estar competindo com o que tem de melhor em equipamento, tecnologia, qualificação e poder estar investindo e oferecendo um serviço de qualidade a população e com todos formar este pólo de saúde Mato-grossense cada dia mais rápido. Eu não tenho dúvidas, com educação e saúde podemos traçar um plano estadual e sermos um importante pólo, não só em Mato Grosso. Nossos dados em cardiologia e em oncologia já estão comparados a grandes centros, como São Paulo, Goiás e Mato Grosso do Sul. Vamos começar a apresentar isso pra vocês, como é medido este ranking dentro do Ministério da Saúde e nós só temos a contar, cada dia mais, com este apoio e com estes investimentos, para que toda a Rondonópolis, todo o Mato Grosso tenha orgulho de ter, dentro da Santa Casa, uma saúde e educação complementar a saúde do município, do estado e ao SUS do Brasil também. Este é apenas mais um contrato firmado, estamos trabalhando para ampliar ainda mais os serviços, atendendo a população com o maior número de especialidades possíveis”, concluiu.

 

 

 

 

 

 

 

Com assessoria Santa Casa Rondonópolis

Noticias Relacionadas