Conheça Bonito, a capital do ecoturismo do Brasil, e apaixone-se

Um dos melhores destinos de ecoturismo do mundo está facilmente ao alcance dos brasileiros: Bonito (MS) é repleta de atrações. Confira dicas para aproveitar ao máximo.

modalidade cresce mais de 20% ao ano e gera retornos de US$ 70 milhões ao País
Agência Brasil

Há uma cidade a cerca de 300 quilômetros de Campo Grande (MS) que une cerrado, mata atlântica e o que há de melhor em ecoturismo em todo o mundo: trata-se da cidade sul mato grossense de Bonito. Em 2013, a localidade recebeu o prêmio de melhor destino de turismo responsável do mundo da World Responsible Tourism Awards. Mais do que isso, Bonito já foi eleita o principal destino de ecoturismo do Brasil por 15 anos. Em tempos de dólar alto, isto significa que os brasileiros podem ter férias inesquecíveis, que cabem no orçamento e perto de casa, sem se desgastar com longos deslocamentos.

Vale ressaltar que Bonito é um destino com muito a oferecer, proporcionando atrações para os mais diversos gostos e perfis. Portanto, é preciso pesquisar e se planejar para aproveitar ao máximo as férias. Continue lendo, confira alguns dos lugares mais incríveis da cidade e planeje melhor as suas férias.

Gruta do Lago Azul é cartão postal do município

Por mais que Bonito tenha várias paisagens de cair o queixo, uma delas se destaca – e, por conta disso, é considerada cartão postal do município: a Gruta do Lago Azul. Como o seu próprio nome diz, a água do lago tem uma cor incrível. Isso ocorre porque o fundo da gruta é formado por muitos minerais, principalmente o calcário, que ao entrar em contato com a luz, assume um tom azul impressionante, rendendo belas fotos aos visitantes. Sua paisagem é tão marcante que o local é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) desde 1978.

Justamente para preservar a beleza do local, seus gestores tomam algumas precauções importantes. A principal delas é a limitação na quantidade diária de visitantes: apenas 305 pessoas podem entrar na gruta a cada dia. Para evitar aborrecimentos, é preciso planejar a visita.

Flutuações são carro-chefe dos passeios

Além da Gruta Lago Azul, as flutuações também são passeios de destaque no roteiro de quem passa por Bonito. Há diversas localidades no município com rios cristalinos e belas paisagens esperando pelos visitantes.

Entre todos os locais existentes, o mais famoso é o Aquário Natural. A cerca de oito quilômetros da cidade, ele permite visualizar tanto nascentes quanto a fauna típica da região. O espaço é apropriado para iniciantes tanto na flutuação quanto no mergulho, já que ele conta com instrutores que fazem treinos em uma piscina antes que o passeio comece de fato.

Trilhas e bike tours animam fãs de esportes

Além de rios, nascentes e grutas, Bonito também oferece várias atrações interessantes em terra firme. Entre elas estão os circuitos de trilhas e de bike tours, que agradam os amantes de atividades físicas. Há trilhas que vão de 7 a 14 quilômetros, para diferentes níveis de

capacidade física. Durante o trajeto, o visitante pode conferir em primeira mão a rica fauna e flora local.

Esportes radicais atraem fãs da adrenalina

Ao visitar Bonito, os amantes de esportes radicais costumam bater ponto em diversos locais da cidade. Entre os principais passeios de muita adrenalina, o rapel no Abismo Anhumas é um dos melhores. Sua paisagem estonteante impressiona todos os turistas que passam por lá. Outra alternativa de passeio radical é o mergulho em Bonito. Tanto quem é principiante como quem já tem experiência, existem diversas opções como o próprio Abismo Anhumas e a Lagoa Misteriosa, entre outros.

Além do ecoturismo, Bonito também tem boas opções gastronômicas

Depois de um dia todo explorando as belezas naturais de Bonito, é normal que o turista queira comer e beber bem. A boa notícia é que a cidade conta com várias opções gastronômicas de qualidade, que satisfazem a todos os gostos.

Quem não tem medo de ousar pode visitar o restaurante Pantanal Carnes Exóticas. Como o seu próprio nome diz, ele serve vários pratos diferentes e típicos da região, como carne de jacaré, capivara e queixada.

Outro bom espaço para degustar os pratos da região é o Cantinho do Peixe. Bem simples, o local oferece música ao vivo e receitas preparadas com peixes típicos da região, como a moqueca de pintado à Corumbá e o estrogonofe de jacaré no abacaxi.

Já quem quer apenas se refrescar do calor da região pode recorrer ao Delícias do Cerrado. O estabelecimento é especializado em picolés feitos com frutas típicas da região.

Contar com uma agência de turismo de confiança é fundamental

Os passeios, que são o ponto alto de uma viagem a Bonito, nem sempre são próximos ao centro da cidade. Portanto, o visitante deve pensar na logística de turismo e ingressos para os locais a serem visitados.

Felizmente, existe uma maneira de contornar esta questão e ter férias mais tranquilas: basta contratar uma agência de turismo de confiança em Bonito que vai dar todo o suporte e dicas aos turistas. Isso é muito útil, especialmente na alta temporada (férias de janeiro e de julho), quando a procura pelos atrativos turísticos locais aumenta.

Por agência de marketing digital emarket