Confira a programação da 7ª Semana Nacional de Educação Financeira

Além de renegociação de dívidas com instituições financeiras e de telecomunicações pela plataforma Consumidor.gov.br, também serão ofertadas ações educativas gratuitas para os consumidores

Inicia nesta segunda (23) a 7ª Semana Nacional de Educação Financeira - Foto por: Imagem ilustrativa

A Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) e os Procons participam, de 23 a 29 de novembro, da 7ª Semana Nacional de Educação Financeira. Neste ano, o tema do evento, promovido pelo Fórum Brasileiro de Educação Financeira (FBEF), é Resiliência Financeira: Como atravessar a crise?.

O objetivo é promover práticas financeiras conscientes, responsáveis e autônomas, além de contribuir para que cada cidadão encontre os seus caminhos para superar momentos de crise, como o que estamos vivenciando com a pandemia de Covid-19, e no futuro se sinta cada vez mais preparado para ser o protagonista de sua vida financeira.

De acordo com o Fórum Nacional, o “novo coronavírus trouxe complicações para a vida financeira de uma grande parcela dos brasileiros, hoje mais sujeitos a flutuações na renda familiar e fraudes financeiras. Em um momento de crise como este, o planejamento das finanças familiares é ainda mais importante, e o cidadão precisa estar bem informado para tomar suas decisões financeiras, mesmo sob estresse”.




Durante a semana, haverá diversas ações gratuitas para os consumidores, como ações educativas, palestras on line, renegociação de dívidas pela plataforma Consumidor.gov.br, dentre outros. Veja a programação completa no site oficial do evento.

Confira abaixo algumas das atividades desenvolvidas pela Senacon e pelo Procon-MT

Renegociação de dívidas pelo Consumidor.gov.br: Até o dia 29/11/2020, os consumidores podem renegociar suas dívidas com instituições financeiras e de telecomunicações pela plataforma de reclamação on line Consumidor.gov.br.  O prazo médio de respostas é de sete dias, com 80% das demandas resolvidas. Participam da ação as empresas Caixa Econômica Federal, Bradesco, Itaú, Santander, Banco do Brasil, BMG, Banco PAN, Oi Vivo, Claro e Tim.

Live: No dia 24/11/2020, às 10h, a Senacon promove live sobre “Crédito consignado e o superendividamento”, com diferentes enfoques, como o assunto ‘Tele-saque’. A live será transmitida pelo YouTube do Ministério da Justiça e Segurança Pública (hps://www.youtube.com/user/JuscaGovBR).

Vídeos Educativos: Recentemente, o Procon-MT produziu dez vídeos curtos, para whatsapp, com dicas de Educação para o consumo e de Educação Financeira, voltados para crianças. O material, elaborado em parceria com a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), foi encaminhado para a Secretaria de Educação para ser compartilhado com alunos da Rede Estadual de Ensino.

Estratégia Nacional de Educação Financeira: Conheça mais sobre a Estratégia Nacional de Educação Financeira no sítio oficial ‘Vida e dinheiro’. No site é possível acessar o Programa de Educação Financeira nas Escolas, que disponibiliza ferramentas e cursos gratuitos, além do aplicativo http://taosso.vidaedinheiro.gov.br/, que é um jogo sobre educação financeira para crianças e jovens. O objetivo da ENEF é contribuir para o fortalecimento da cidadania ao fornecer e apoiar ações que ajudem a população a tomar decisões financeiras mais autônomas e conscientes. A nova ENEF reúne representantes de órgãos e entidades governamentais, que juntos integram o Fórum Brasileiro de Educação Financeira (FBEF).