Concessionária Morro da Mesa encerra novembro com palestra voltada a colaboradores

O acesso dos homens a diversos serviços de saúde, assim como o incentivo à prevenção do câncer de próstata, pautaram a programação especial alusiva à campanha Novembro Azul realizada pela Concessionária Morro da Mesa, voltada aos colaboradores.

Tendo “A saúde do homem” como tema principal da palestra, alunas do 10º semestre de enfermagem acompanhadas da coordenadora Heloisa Bravin, falaram sobre as causas, sintomas e tratamentos de outros tipos de cânceres comuns entre os homens, como o de língua, intestino, pulmões, garganta e pele, associando-os à falta de prevenção e de acompanhamento da saúde.

“Nosso objetivo com ações como essas é que nossos colaboradores possam ter informações sobre todos os tipos de doenças e além disso conscientizar a todos sobre os sintomas e também a prevenção. Por isso sempre que possível estamos promovendo este tipo de atividade aqui na empresa”, frisou Luciana Pereira dos Santos, diretora institucional da Concessionária.

A coordenadora Heloisa Bravin, ressaltou a importância de empresas investirem em ações preventivas como as realizadas pela concessionária, pois é uma forma de atingir a todos, levando informações para além da empresa.

“Na empresa nós temos a possibilidade de encontrar vários tipos de pessoas e profissionais, tanto os que tem conscientização maior, quanto menor. Quando chegamos na empresa conseguimos atingir várias pessoas, e essas pessoas passam a levar informação para fora da empresa, conscientizando muito mais gente”, explicou.

A coordenadora ressaltou ainda, que para a alunas também é uma oportunidade de praticar o que tem aprendido dentro da sala de aula. “ Para nossos alunos é uma via de mão de dupla, pois aprendem na prática, o que já viram na teoria e criam uma consciência de participação na formação social depois da faculdade”, destacou.

Cristiano Daltrozo, supervisor de compras da Concessionária Morro da Mesa, destacou que a ação promovida o ajuda a reforçar os cuidados que devemos ter com a saúde. “Podemos reforçar os cuidados, pois o homem normalmente vai empurrando, pois não presta atenção em relação a sua saúde e é bom sempre reforçar esses cuidados que devemos ter”, ressaltou.

Recomendações

A Sociedade Brasileira de Urologia recomenda que homens a partir de 50 anos devem procurar um profissional especializado para avaliação e, naqueles da raça negra, obesos mórbidos ou com parentes de primeiro grau com câncer de próstata devem começar aos 45 anos. Após os 75 anos, poderá ser realizado apenas para aqueles com expectativa de vida acima de dez anos.