Comunitários querem Unemat no antigo aeroporto

29 diretórios estaduais ainda não prestaram contas ao tre; prazo termina terça-feira

Líderes comunitários da região Salmen protocolizaram nesta terça-feira (11) na Câmara de Vereadores, um documento pedindo que o campus da Unemat em Rondonópolis seja construído na área do antigo aeroporto, que ainda pertence ao município. A referida área é uma parte do terreno que não foi leiloada no ano de 2015.

O documento foi encaminhado pela presidente do Conselho da Mulher do Vila Rica, Angela Chagas e contou com o apoio das lideranças: Maria Cristina, presidente do Jardim Ana Carla; Sebastião Suribi, ex-presidente da Unisal; Ricardo Borges, atual presidente da Unisal; Wilson Alves, presidente do Vila Rica; Nilza Maria Nunes Serqueira, presidente da Uramb; Mario Enes, diretor da Unisal;Ozeas Reis, presidente do Antônio Geraldini e Juscelino Correia, presidente do Jardim Adriana, José Sobrinho e Jardim da Mata.

Na entrega do documento, a líder comunitária Angela Chagas, justificou a intenção explicando que devido ser uma região de fácil acesso o local seria o ideal. Ele ainda argumentouque o local já tem duas linhas de ônibus passando próximo, o que de fato, facilitaria o acesso dos estudantes.

O vereador Adonias Fernandes (PMDB) defendeu a proposta. Ele argumentou que a região do Atlântico já é beneficiada com o campus da UFMT e a Vila Operária com o IFMT,e com isso seria importante a instalação neste local. “A Unemat já é uma realidade, temos certeza disso e agora temos que buscar um local para a instalação definitiva”, disse o vereador.

No entanto, o vereador que neste primeiro momento, a Unemat deve ser instalada em salas dentro da estrutura já pronta das escolas do município para depois sim, ser transferida para um campus próprio.

O vereador Thiago Silva (PMDB) entende que a luta da Unemat tem ganhado a cada dia força e mais apoio da sociedade e que esta atitude das lideranças comunitárias é a prova disso. “Estamos próximos de realizarmos um sonho de 20 anos e as pessoas estão a cada dia vendo que a Unemat aqui vai acontecer, não podemos neste momento chave parar de lutar”, destacou o parlamentar.

O Conselho Superior da Unemat deve se reunir no dia 18 de abril para definir a vinda para Rondonópolis e quais cursos serão atendidos na cidade. A princípio o futuro campus de Rondonópolis deverá receber os cursos de letras e computação com chances também de receber o curso de direito.