Como trabalhar com Marketing Esportivo?

Como trabalhar com Marketing Esportivo?

Os esportes estão crescendo cada vez mais no Brasil. E, diante dessa realidade, muitos jovens têm se perguntado como trabalhar com marketing esportivo. Para adentrar nessa área, é necessário estar atento a alguns detalhes. Então, se você tem real interesse em atuar nessa área, não deixe de conferir esse artigo.

Antes de saber como trabalhar com marketing esportivo, existem algumas questões que você precisa compreender. Afinal de contas, por ser uma área relativamente nova, alguns detalhes podem passar despercebidos. Mas, nesse artigo, você confere todas as informações sobre esse assunto. Então, continue nessa matéria!

O que é marketing esportivo

Para trabalhar em uma área, primeiro você deve compreendê-la. Resumidamente falando, o marketing esportivo é uma estratégia de promoção de serviço. Geralmente, esses produtos ou ideias estão associados a atletas, times ou eventos esportivos. É uma ótima forma de conquistar o cliente com base nos valores formulados pelo esporte.

Ademais, através de uma boa estratégia de marketing esportivo, conquista-se a consolidação da marca no mercado. Não é um trabalho fácil, mas muito recompensador, tanto para a marca, quanto para o público. Exemplos bem claros de empresas que firmaram um bom plano de marketing são:

  • Nike;
  • Adidas;
  • Puma.

Afinal de contas, como essas marcas já vendem produtos voltados para atletas, elas se beneficiam bastante das ações de marketing esportivo. No entanto, vale ressaltar que outras empresas podem se beneficiar dessa categoria de marketing. Dentre os vários exemplos, podemos citar:

  • Coca-Cola;
  • Petrobras;
  • McDonald’s;
  • Ambev;
  • Casas Bahia;
  • Rede Globo;
  • Itaú;
  • Vivo, etc.

Qualquer empresa pode se beneficiar das estratégias de marketing esportivo. No entanto, para isso ocorrer, é fundamental ter um bom profissional por trás de toda ação. Sendo assim, se você quer saber como trabalhar com marketing esportivo, deve ficar atento a todas as dicas.

Quais áreas o profissional em marketing esportivo pode atuar?

Várias. O profissional de marketing esportivo não se resume àquele que está por trás de uma ação de patrocínio. Há várias outras possíveis abordagens. Por exemplo:

  • Promover campanha de TV;
  • Imprimir logomarca em uniformes;
  • Realizando parcerias;
  • Vender produtos relacionados ao esporte;
  • Analista esportivo;
  • Analista de perfis, etc.

A crescente democratização da internet abre ainda mais portas para esse profissional. Clientes de empresas como a Bet22 necessitam de profissionais da área. Afinal, os apostadores precisam de uma análise técnica para saber como e onde apostar. E qual o profissional mais indicado para tal função, senão um profissional em marketing esportivo? Portanto, é um ramo com várias possibilidades.

Como trabalhar com marketing esportivo?

Toda área requer capacidades técnicas. E nesse ramo não é diferente. Portanto, para conseguir emprego nessa área, você precisa ir pelo caminho tradicional. Então, o primeiro passo é se capacitar. Procure pelas seguintes ocupações formais:

  • Escola;
  • Graduação;
  • Cursos técnicos;
  • Cursos específicos.

Cada vez mais é possível encontrar instituições que oferecem preparo técnico para seguir nessa área. No entanto, você também pode procurar por capacitação informal. Por exemplo:

  • Livros;
  • Vídeos;
  • Blogs.

Toda categoria de entendimento é válido. Sendo assim, procure sempre se inteirar e entender do assunto. No entanto, nem tudo é conduzido de capacidade técnica. É necessário possuir experiência. Procure estágios nas seguintes áreas:

  • Eventos esportivos;
  • Associações;
  • Clubes.

Podem ser tanto estágios voluntários quanto remunerados. Toda experiência é considerada. Fora isso, se você quer saber como trabalhar com marketing esportivo, ter uma noção de como o mercado funciona é fundamental. Ademais, você também pode procurar por sites de emprego especializado em esportes. Por exemplo:

  • SPORTSJOB;
  • WORKINSPORTS;
  • GLOBALSPORTSJOBS;
  • IWORKINSPORT.

Fora isso, se na sua cidade possui algum clube ou entidade esportiva, você também pode procurar uma vaga de emprego. São ótimas ferramentas para iniciar a sua carreira nesse ramo. Ademais, procurando essas vagas, você já pode construir um networking. Ou seja, uma rede de pessoas que podem lhe indicar para outras funções ligadas ao mesmo mercado.

Quanto ganha um profissional da área?

Isso dependerá de várias questões. Afinal de contas, o salário de uma pessoa está diretamente ligado com as suas capacidades técnicas. Fora isso, a função que você desempenhará conta muito. Afinal, cada setor possui uma média salarial. Contudo, geralmente o salário de um analista gira em torno de R$3.775. 

É claro que esse valor pode variar, tanto para mais, quanto para menos. Mas lembre-se, não é porque você ganha menos que você é uma das pessoas azaradas da profissão. Se você não está contente com o seu salário, é necessário ter uma melhor capacitação técnica. Ou se for melhor, cogite a possibilidade de atuar em outra área.

Além das áreas que citamos há alguns parágrafos, há várias outras áreas de atuação que você pode seguir. Não se limite. Procure outras formas de trabalhar com o que você gosta, ganhando um valor que lhe agrade. Afinal de contas, você precisa se sentir satisfeito nos dois aspectos. Dentre outras opções de trabalho, ainda podemos citar:

  • Marcas esportivas;
  • Academias;
  • Assessorias esportivas;
  • Escola;
  • Clubes/times.

Diante de inúmeras opções, certamente você encontrará uma que lhe agrade. Sendo assim, a dica é sempre estar aberto às oportunidades. Ademais, não deixe de sempre estar atento às novidades que o mercado reserva e a par de todos os assuntos sobre o tema.

Noticias Relacionadas

Novidades do PH! Deseja receber notificações sobre as atualizações mais recentes? Não Sim