Comitiva de MT participa da 19ª Nelore Fest em São Paulo

Comitiva de MT participa da 19ª Nelore Fest em São Paulo

Uma comitiva de Mato Grosso participou da 19ª Nelore Fest, que comemora 150 anos da raça no país. Estima-se que o Brasil possui um rebanho com mais de 200 milhões de bovinos de corte e leite criados a pasto, dos quais 80% do gado de corte é Nelore ou anelorado, o que equivale a mais de 100 milhões de cabeças.

Participaram do evento na noite de segunda-feira (17), em São Paulo, o presidente da Associação dos Criadores Nelore de Mato Grosso (ACNMT), Breno Molina, e sua esposa, o técnico de campo, Leonardo Fernandes Mendonça, e o diretor técnico na Acrimat, Francisco Manzi.

Durante a festa, o presidente da Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB), Nabih Amin, falou sobre a origem do Nelore, uma raça indiana que chegou no Brasil em 1978 e, atualmente, é a raça de maior população, importância e mais procurada para a pecuária de corte no país.

“Essa raça teve uma boa adaptação no Brasil, justamente pelo clima, pastagem e topografia”. A proposta é reforçar o Brasil como 2º consumidor de carne bovina do mundo, que é um alimento importante para a parte cognitiva do ser humano, fonte de vitaminas, proteínas e energia.

Com mais de 30 milhões de animais, Mato Grosso tem destaque no cenário nacional por possuir o maior rebanho bovino, sendo 80% da raça Nelore, porém, a exportação está limitada a apenas 20% desse total.

“Nesse sentido, o trabalho da associação é vital para promover a expansão e o fortalecimento da cadeia produtiva da carne que foi muito afetada pela crise”, afirma Breno Molina.

Nelore é o nome de um distrito da antiga Província de Madras, Estado de Andra, situada na costa oriental da Índia, onde foram embarcados os primeiros animais para o Brasil.

O Nelore brasileiro, além de ser considerado hoje como um patrimônio legitimamente nacional, produz carne saudável e natural, exportada para mais de 146 países e cada vez mais demandada por consumidores do mundo todo.

Destaque agro

Segundo o Ministério da Agricultura, a  bovinocultura é um dos principais destaques do agronegócio brasileiro no cenário mundial. O Brasil é dono do segundo maior rebanho efetivo do mundo, além disso, desde 2004, assumiu a liderança nas exportações, com um quinto da carne comercializada internacionalmente e vendas em mais de 180 países.

Até 2020, a expectativa é que a produção nacional de carnes suprirá 44,5% do mercado mundial.

Sobre ACNMT

A Nelore de Mato Grosso é uma entidade sem fins lucrativos, fundada em 20 de março de 1994, que congrega criadores de todo o estado e que tem por finalidade fortalecer e defender a raça Nelore, promovendo o melhoramento genético animal e a valorização de sua carne.

O sucesso do entidade é reflexo da versatilidade, capacidade de adaptação e potencial produtivo da raça e de seus criadores.