Colóquio no Teatro Zulmira marca os 13 anos da Lei Maria da Penha

Evento acadêmico contará com a presença da própria Maria da Penha, homenageada e palestrante do dia

Colóquio no Teatro Zulmira marca os 13 anos da Lei Maria da Penha
Foto: PRISCILA MENDES

O Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros receberá, durante toda a sexta-feira (09), o Colóquio Lei Maria da Penha, em alusão aos 13 anos da Lei 11.340/2006, que criou mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher.

A própria Maria da Penha, vítima de violência do então marido e defensora de seus direitos, cujo exemplo “nomeou” a normativa, estará presente como convidada de honra e palestrante.

Devido à procura para a participação do colóquio, que conta ainda com outros cinco palestrantes, as inscrições – que se encerrariam hoje (05) – foram encerradas na semana passada, por atingir a capacidade do Teatro Zulmira (mais de 750 pessoas).

Os inscritos devem entregar um quilo de alimento não perecível para acesso ao evento, dia 09, às 8h, que serão destinados às Casas Abrigos de Cuiabá e Várzea Grande, que acolhem mulheres vítimas de violência doméstica e familiar.

Promovido pela Associação Brasileira de Mulheres de Carreira Jurídica – Mato Grosso (ABMCJMT) e Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar no âmbito do TJMT (Cemulher), o evento tem cunho acadêmico e visa fomentar discussões, debates e boas práticas quanto ao enfrentamento da violência doméstica.

São esperados magistrados, advogados, procuradores e promotores de Justiça, defensores públicos, médicos, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, servidores públicos municipais, estaduais, acadêmicos de áreas fins, entre outros.

Todos os participantes receberão certificado com carga horária de 12 horas, confeccionado pela Escola Superior da Magistratura (Esmagis-MT).

Para mais informações, acesse o site do Poder Judiciário de Mato Grosso (PJ-MT) e o site criado especialmente para o evento.