Câmara faz sessão para analisar projeto de preempção de prédio antigo dos Correios

câmara municipal nega tramitação de projeto sobre atendimento preferencial para vereadores em filas

A Câmara de Vereadores realiza, nesta sexta-feira , a partir das 9 horas, uma sessão extraordinária, para debater projetos de autoria do Poder Executivo municipal.

Um dos projetos é um pedido de preempção de área do antigo prédio dos Correios na região central da cidade, localizado na avenida Marechal Rondon com a Poxoréu.

A preempção é quando o Poder Público garante a preferência para aquisição de imóvel dentro da área urbana do munícipio, antes de ser comercializado à particulares. “A prefeitura vai usar aquela área para desenvolver um projeto para a comunidade”, disse o vereador Adonias Fernandes (MDB).




Em 2013, o ex-prefeito Percival Muniz, tentou, por exemplo, a preempção do prédio do Grupo Maggi, que funcionava na presidente Médici, onde é hoje, o supermercado Assaí.

A ideia era transferir o Paço Municipal para aquele prédio, mas não houve acordo e área acabou sendo vendida para o supermercado.

A Câmara vai votar também repasses do executivo  para a Santa Casa, Paulo de Tarso e Servsaude.