Cadeia Feminina de Rondonópolis promove mutirão de exame preventivo

Ação foi realizada com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde, que enviou equipe para fazer a coleta em 97 reeducandas

Reeducandas da Cadeia Feminina de Rondonópolis são atendidas em mutirão de exame preventivo - Foto por: Sistema Penitenciário

A Cadeia Feminina de Rondonópolis (215 km ao Sul de Cuiabá) realizou um mutirão visando à coleta de material para exame preventivo de câncer de colo de útero. A ação foi realizada com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde, que enviou uma equipe de saúde até a unidade, nesta terça-feira (05.11).

Toas as 97 recuperandas que estão atualmente na unidade receberam o atendimento. Segundo a diretora, Silvana Leite Lopes, a iniciativa é realizada todos os anos, com o objetivo de agilizar o diagnóstico precoce. “Deste total, por exemplo, a equipe de saúde detectou alterações em três mulheres, durante a realização do exame, que já serão encaminhadas para consulta com médico especialista”.

Desta forma, as reeducandas já irão conseguir agendamento de consulta via Sistema Único de Saúde (SUS), enquanto aguardam o resultado do preventivo, para dar início ao tratamento ginecológico. “Por isso, o mutirão é tão importante, trabalha tanto a prevenção quanto a identificação rápida de qualquer anormalidade”, acrescenta a diretora.

A parceria com o laboratório da rede municipal de saúde não se limita ao mutirão. Toda semana, uma equipe vai até a Cadeia Feminina para fazer exames e testes rápidos em mulheres que estão no Centro de Triagem (onde ficam as pessoas logo após a prisão).

Silvana Lopes explica que, por conta da grande rotatividade, em função de a unidade atender o Sul de Mato Grosso, este serviço é de suma importância. “Nós atendemos as 13 comarcas da região, então necessitamos da realização dos exames semanalmente. O apoio da Prefeitura nesse sentido é fundamental”.