Bloqueio em Rondonópolis já dura mais de 24h sem liberação

| guiratinga | prefeitura amplia distribuição de água no distrito do alcantilado



O protesto dos caminhoneiros que bloquearam a BR-163/364, em Rondonópolis, já dura mais de 24 horas sem liberação. Os bloqueios na região sul de Mato Grosso começaram a ocorrer por volta das 14h da última sexta-feira (20), mas a pista foi liberada às 17h do mesmo dia. Já nesta segunda-feira (23) o protesto foi intensificado e até a manhã de hoje os caminhoneiros seguem parados na rodovia.

Entre as principais reinvindicações dos manifestantes estão a redução do preço dos combustíveis, a alíquota do ICMS e os valores dos fretes, considerados baixos pela categoria. Segundo os organizadores do protesto, o trânsito está liberado para ambulâncias, carros de passeio e ônibus.

Na manhã desta terça-feira (24), o bloqueio afetou quem precisou passar pela BR-163/364. As pessoas que trabalham nos Distritos Industriais da cidade sofreram com a lentidão do trânsito, principalmente na região do Horto Florestal.

Os bloqueios já atingiram os estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.