Atleta beneficiado com bolsa do Projeto Olimpus compete em evento da Confederação Brasileira de Atletismo

Provas realizadas na sexta-feira (09.04) e no domingo (11.04) podem garantir participação no Campeonato Mundial de Revezamentos

Foto por: Divulgação pessoal

Nesta sexta-feira (09.04) e no domingo (11.04), o atleta da cidade de Sorriso (398 km de Cuiabá), Arielton Costa dos Santos, compete no Open de Velocidade realizado pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt). O esportista é um dos beneficiados com bolsa-atleta no projeto Olimpus, da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

Disputada na pista do Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), em Bragança Paulista (SP), a competição dá a oportunidade para que os atletas alcancem boas colocações no ranking brasileiro dos 100m e dos 400m, visando o Campeonato Mundial de Revezamentos, que será disputado nos dias 1 e 2 de maio, na Silesia, na Polônia.

Arielton foi selecionado para o Open Velocidade por estar entre os 25 primeiros colocados do ranking brasileiro nas provas de 100m e 400m masculino e feminino nos últimos dois anos.

“Esta é a primeira competição do ano e estamos muito felizes pela participação do nosso atleta entre os mais rápidos do país. O atletismo de Sorriso se manteve em atividade durante a pandemia, seguindo todos os protocolos de biossegurança, e por isso, nossos atletas de alto rendimento estão preparados para participar das competições nacionais”, expõe o treinador Marcos Flademir Vieira.

Para Arielton, o auxílio financeiro mensal proporcionado pelo bolsa-atleta é fundamental para a continuação dos treinos e para se manter na carreira de esportista.

“Esse recurso é muito bem-vindo, a gente que está entrando na categoria profissional é mais difícil e tem mais gastos. Mas com essa força da bolsa-atleta fica mais fácil pra se manter, continuar treinando e comprar equipamentos. Além disso, sem esse auxílio possivelmente precisaria parar os treinos para trabalhar e ajudar em casa”, enfatiza.

O esportista, que em 2020 conquistou a medalha de prata nos 200m no Campeonato Brasileiro Sub-23 de Atletismo e foi medalhista no Campeonato Panamericano no revezamento 4x100m, espera obter neste fim de semana as marcas para prosseguir ainda mais em seus sonhos.

“Apesar das restrições por causa da pandemia, consegui uma boa preparação graças ao trabalho do treinador Marquinhos. Conseguimos manter os treinos, está tudo se encaixando, minha meta agora é seguir em frente e, como sonha todo atleta, conseguir índice para participar de uma olimpíada”, finaliza Arielton.