ATeG prepara ampliação de atendimento para mais 20 municípios mato-grossenses

A Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) se prepara para ampliar seus atendimentos. A previsão é que até o final de 2021, mais 20 municípios mato-grossenses comecem a ser beneficiados pelo programa.

Segundo o superintendente do Senar-MT, Francisco Olavo Pugliesi de Castro, mais conhecido como Chico da Paulicéia, a ATeG é um dos principais produtos da instituição e, em 2020, ajudou produtores rurais de 33 municípios a melhorarem o desempenho de suas propriedades. “Eles estão aprimorando a atividade desenvolvida ou diversificando sua fonte de renda”.

A abertura das frentes e o início dos trabalhos em 2021 serão realizados de acordo com o regresso da disseminação do vírus da Covid-19. Além disso, atenderão às restrições sanitárias vigentes.

De acordo com o coordenador da ATeG, Armando Urenha, a meta inicial é ultrapassar a marca de mil propriedades. “Estamos aguardando devido à pandemia, mas prevemos que ainda na primeira etapa, alcancemos o total de 1250 propriedades atendidas”, afirma.

Ao todo serão abertas 23 frentes de trabalho. Dentre elas, 15 são da cadeia produtiva da bovinocultura de leite; quatro em piscicultura; dois em bovinocultura de corte; um em fruticultura e um em olericultura.

Por meio de vídeo, o presidente do Sindicato Rural de Nova Monte Verde, Robson Marques, apresentou o projeto para os produtores locais. “Os produtores rurais que tiverem a oportunidade de participar, estão convidados”.

Em Porto dos Gaúchos, os atendimentos também serão direcionados ao município de Novo Horizonte do Norte, extensão de base do Sindicato Rural. O programa foi solicitado pelo Sindicato Rural e contará também com a parceria da Secretaria Municipal de Agricultura.

A região receberá atendimentos das cadeias produtivas da bovinocultura de leite e da piscicultura. Segundo o presidente do Sindicato Rural de Porto dos Gaúchos, Milton Carlos Zolin, a ATeG surge em um bom momento para os produtores da região.

“O Senar-MT por meio das atividades da ATeG auxilia o pequeno produtor rural a gerir sua propriedade e isso é muito importante em nossa região. O conhecimento é necessário porque ensina os produtores sobre as técnicas corretas, beneficiando assim, sua produção”.