Adriane Galisteu sobre sexo no primeiro encontro: ‘Eu tinha essa onda de segurar’

Adriane Galisteu abriu o jogo e falou sobre o machismo
Reprodução/Youtube

Adriane Galisteu abriu o jogo e falou sobre o machismo que a mulher sofre ao ser julgada quando manifesta seus desejos sexuais. “Ainda tem uns boy machista”, disparou ela durante o vídeo compartilhado por ela em seu canal no Youtube, na tarde desta quarta-feira (12), mostrando um pouco dos bastidores do ensaio que ela fez para a capa digital de QUEM.

A atriz, que vive Zelda, na novela das 7h, em O Tempo Não Para, defende o direito de cada um fazer o que quiser da sua vida sexual.

“Você tem que seguir o que o coração manda. Na verdade você dá pra quem você quiser, na hora que quiser. Desde que você não faça mal a ninguém”, acredita.

Ela assumiu já ter se preocupado com o que os outros iriam pensar dela. “Eu tinha essa onda de segurar. Pergunta para o Alê. Ele demorou para me pegar”, confessou. “Eu ainda acho que isso é um tabu. Até o jeito de falar”, completou.

Durante a sessão de fotos picantes, a apresentadora ainda questionou aos integrantes de sua equipe a opinião deles sobre o assunto.

“O que não dá é para você achar que essa regra é assim. Tem homem que sai falando que você é piranha. É um babaca”, detonou Galisteu. Confira o vídeo completo abaixo:

https://www.youtube.com/watch?time_continue=336&v=1veLwDHvYZY