A Harmonização Orofacial é o tratamento completo na estética facial

A harmonização facial é um dos tratamentos mais procurados, digamos que é a “bola da vez”, a facilidade ao acesso dos procedimentos tanto para mulheres quanto para homens tornou-se comum, vão desde o profissional as condições de pagamento, detalhes importantes, que ao mesmo tempo requer uma porção de cautela.

Quando falamos em harmonização facial fica quase impossível não falar da harmonização orofacial (HOF), a simetria entre estética e função. Observe, como chegar a uma estética maravilhosa se não temos uma oclusão perfeita?

A falta de dentes deixa nosso rosto assimétrico, restaurações mal feitas alteram a oclusão e causam assimetria, ou seja, a desarmonia da face, um dos problemas mais comuns é a disfunção na Articulação Temporomandibular (ATM). Como já dizia o querido e saudoso Ivo Pitangui, “Dentes faltando ou feios, chamam mais a atenção do que uma pele lisinha e sem rugas”.

O sorriso gengival é uma queixa frequente de alguns pacientes, um problema que vai de genético a outras causas, como problemas musculares, esqueléticos e outros. Mas olha a boa notícia, o tratamento da na maioria das vezes pode ser resolvido com toxina botulínica, em outras situações é preciso intervenção cirúrgica por meio de gengivoplastia.

A decisão para o procedimento adequado é feito a partir de exames para diagnosticar o tamanho ideal do dente para o formato do rosto da pessoa e o tamanho do lábio. No caso do paciente optar pela toxina botulínica, a duração é de no máximo seis meses, neste caso como se trata de uma região com contração contínua da musculatura, é comum o produto agir até quatro meses.

Na harmonização é preciso entender que, cada pessoa tem uma individualidade, por isso algumas pessoas com uma simples toxina botulínica resolve a correção, em outras é preciso o procedimento com bioestimuladores para formação de colágeno, preenchimentos com ácido hialurônico em várias regiões, como malar (maças do rosto), olheiras, ângulo de mandíbula, entre outros locais da face.

Agora o mais importante, o profissional que atua na harmonização deve ter conhecimento de anatomia do rosto e inserção da musculatura para ter um resultado eficaz e duradouro, claro que o resultado do tratamento é importante, porém, mais importante que isso, é a segurança de não ter surpresas ou algum tipo de intercorrência pelo fato do ‘profissional’ não ter conhecimento e formação adequada para manipular os procedimentos.

A flacidez na pele acontece, o surgimento de rugas e o envelhecimento são sintomas da diminuição na formação do colágeno. Então o profissional que cuida de você deve estar em sintonia com as suas necessidades.

Os tratamentos de prevenção do envelhecimento estão diretamente ligados com a rotina, é preciso cuidar da alimentação, usar os cremes ideais para a pele, nunca esquecer que bioestimulador é um meio de nutrir que auxilia na reposição do colágeno.

Me perguntam sempre qual o momento certo para começar os procedimentos de harmonização, a minha resposta é, quanto antes começar com a bioestimulação, menores serão os sinais e consequências do envelhecimento. Ah! Mas anote e guarde este conselho, menos sempre é mais.

No mais, tome muita água, prefira alimentos naturais, evite açúcar e, jamais esqueça o filtro solar.

Erlice Vuaden é Cirurgiã Dentista – CROMT 1671 e especialista em dentística com ênfase em estética.