Vídeo mostra rapto de uma passageira em aeroporto

Uma mulher de nacionalidade chinesa que foi raptada num aeroporto de Banguecoque, momentos depois de ali ter aterrado chegada de Hong Kong, foi colocada em liberdade esta segunda-feira após o pagamento de um sequestro de 267 mil euros.

A vítima foi encontrada numa beira de estrada, em Bang Na, na zona metropolitana de Banguecoque, para onde foi levada com os olhos vendados.