Protesto dos caminhoneiros entra no terceiro dia em Rondonópolis

Protesto segue firme em todo país

Protesto dos caminhoneiros entra no seu terceiro dia
Imagem aérea da paralisação em Rondonópolis

O protesto dos caminhoneiros contra o reajuste no preço do combustível anunciado pela Petrobrás, entra em seu terceiro dia nesta quarta-feira (23) em diversos pontos nas rodovias de Mato Grosso.

São registrados protestos no km 398 da BR-364 , Distrito Industrial de Cuiabá,  km 504 da BR070 (Rod. Imigrantes), Cuiabá ,km 593 da BR163 (Nova Mutum), km 686 da BR163 (Lucas do Rio Verde), km 821 da BR163, km 119 da BR163 (Rondonópolis)

Na noite desta terça-feira (22)foram fechados mais dois pontos.

No Km 691 da BR-163, em Lucas do Rio Verde e Km 601 da BR-163, em Nova Mutum.

Mesmo com o anúncio do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, de que o governo vai zerar a Cide (Contribuição de intervenção no domínio econômico incidente sobre as operações realizadas com combustíveis), os protestos devem seguir pelo país.

O preço médio do diesel nas bombas já acumula alta de 8% no ano.

O valor está acima da inflação acumulada no ano, de 0,92%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em todos os pontos de prostesto está liberada a passagem de veículos de passeio, ambulâncias e veículos de carga viva e perecíveis.