Guarda municipal que deu choque para impedir gravação é afastado

O guarda civil municipal que usou uma arma de choque para tentar impedir uma mulher de usar o celular para gravar a demora no atendimento no Pronto Atendimento (UPA) do bairro Laranjeiras, em Sorocaba (SP), foi afastado por 30 dias do cargo.