Deputada cobra informações sobre obras do programa Pró-Estradas

em audiência, medeiros cobra que plano de aviação regional saia do papel

A deputada estadual Janaina Riva (PMDB) apresentou na noite desta terça-feira (14), durante sessão plenária, requerimento para que o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo Duarte Monteiro, encaminhe à Assembleia Legislativa informações referentes às rodovias estaduais que serão pavimentadas no programa Pró-Estradas com os R$ 300 milhões oriundos de recursos liberados recentemente pelo BNDES.

No requerimento, Janaina questiona ainda sobre quais as frentes de trabalho em execução atualmente em Mato Grosso e qual a quilometragem pavimentada desde a criação do Pró-Estradas e as localidades onde as obras estão sendo feitas.

"O Governo de Mato Grosso tem propagado aos quatro cantos, em belas propagandas, que pavimentou mais de 500 quilômetros de estradas estaduais e que atualmente existem mais de 130 frentes de trabalho abertas em diversas regiões. Como parlamentar, uma de minhas funções é fiscalizar o Poder Executivo, portanto quero saber sobre o andamento de todas essas obras até porque tenho sido frequentemente inquirida pelos cidadãos do interior sobre essas obras, que eles nunca veem chegar por lá", justificou.

Sobre RGA e PCCS

Ainda na tribuna, a parlamentar fez um desabafo sobre vídeos apócrifos que circularam no fim de semana tentando imputar a ela e outros parlamentares a culpa dos atos de violência do fim de semana pela defesa que fizeram do pagamento da Reposição Geral Anual (RGA) aos servidores públicos estaduais em greve.

"O que esta Casa fez desde o início foi tentar resolver um problema criado pela falta do diálogo do governo com os servidores. Agora jogar culpa dos ataques de sexta nos deputados e nos servidores porque esse estado não tem uma gestão competente, daí já demais", disparou.

Janaina lembrou também que a Assembleia precisa fazer o dever de casa com relação aos seus servidores, uma vez que ainda não pagou a RGA e também não aprovou o Plano de Cargos, Carreiras e Salários de seus servidores. "Com o mesmo empenho que estamos tratando da temática do Poder Executivo, temos que tratar dos nossos servidores também", finalizou.