Construção de sede da Unemat, Feciti e Papiro são tema de audiência pública realizada pela Prefeitura

Construção de sede da Unemat, Feciti e Papiro são tema de audiência pública realizada pela Prefeitura
Wheverton Barros

A construção da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) em Rondonópolis foi tema de audiência pública na manhã desta sexta-feira (15) no auditório do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Também foram discutidos o Programa Acelerador de Projetos Inovadores de Rondonópolis (Papiro) e a realização da Feira de Ciência, Tecnologia e Inovação de Rondonópolis (FECITI).

O evento contou a participação dos alunos e profissionais da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), do Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) e da Escola Técnica de Educação Profissional e Tecnológica da Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia (Secitec).

 “Estamos discutindo três eixos, o primeiro é o Papiro, onde a Prefeitura vai disponibilizar, através de aprovação da Câmara Municipal, uma lei que possa estar investindo nas escolas, nos alunos e nas universidades para formação de projetos que tragam tecnologia e inovação. Outra pauta é a FECITI que estaremos discutindo o formato e no último eixo entra a Unemat. Nós vamos mostrar o que queremos da Unemat que rumo, a construção e a participação da sociedade, das entidades, do Governo do Estado”, informou o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico Milton Mutum.

Para Sérgio Santos, diretor do Núcleo Pedagógico da Unemat em Rondonópolis, é importante haver esse debate. “Muito produtivo o trabalho que a Prefeitura vem fazendo na comunidade, achei bastante válido as discussões que foram apresentadas, essas audiências tem tudo para dar certo e contribuir com recursos em tecnologia, inovação e apoio pedagógico para região toda,” frisou o diretor.

O prefeito de Rondonópolis, Zé Carlos do Pátio, ressaltou que a administração está comprometida em promover ações voltadas a Ciência, Inovação e Tecnologia. “É um programa inédito em Mato Grosso, a Prefeitura vai contribuir com as inovações, as pesquisas da nossa rede de educação e até individual através do Papiro. Também foi dito da Feciti, vamos fazer uma feira inovadora esse ano e já autorizei a reformar um espaço para mantermos no Centro Tecnológico,” disse o gestor.

A construção da sede da Unemat no município também foi destaque no debate. “Nós assumimos a Unemat estamos bancando a universidade, eu tenho que agradecer o deputado estadual Sebastião Rezende que conseguiu um recurso para cá para ajudar o curso de Direito, mas o restante a prefeitura está arcando. Eu dei um cheque-mate, nós temos uma classe política da base do governador Mauro Mendes e queremos saber se até junho vão nos ajudar na construção da Unemat, temos uma bancada forte e esperamos que nos ajude, caso contrário, eu pedi o apoio da Câmara para começarmos a construir, porque se não corremos o risco de perder os cursos,” ressaltou Pátio.